Balotelli desabafa sobre racismo e questiona o povo francês: "é legal?"

São Paulo, SP

21-01-2017 10:15:46

Após o empate em 1 a 1 contra o Bastia, o Nice voltou a liderança do Campeonato Francês, mas precisa torcer por uma derrota do Monaco para manter o posto. Mas não foi o futebol que marcou a partida no Armand Cesari, e sim o racismo. Indignado com a postura da torcida dos donos da casa, o italiano Mario Balotelli, craque do Nice, desabafou em suas redes sociais.

“Ontem o resultado contra o Bastia foi certo. Vamos trabalhar mais para tentar chegar a nosso objetivo. O juiz foi bem também, mas tenho uma pergunta para o povo francês: é normal que os torcedores do Bastia imitem sons de macaco durante toda a partida e ninguém do ‘comitê disciplinar’ diga nada? Então o racismo é LEGAL na França? Ou só em Bastia? O futebol é um esporte incrível e essas pessoas como os torcedores do Bastia o deixam horrível. Uma verdadeira vergonha”, publicou o jogador em seu Instagram.

Novamente, casos de racismo ganham as manchetes do futebol europeu, questionando a decisão da Fifa de dissolver a força-tarefa que visava combater o preconceito racial dentro do esporte. Em setembro de 2016, a secretária da entidade, Fatma Samoura, afirmou que o projeto de 2013 foi retirado pois “tinha objetivos específicos que foram cumpridos”.

Tanto a Fifa, entidade geral do futebol, quanto a Uefa, corpo europeu, e a Federação Francesa ainda não se pronunciaram sobre o caso. Ambas as equipes envolvidas também ainda não se manifestaram.

Com 46 pontos, o Nice liderado por Balotelli é o atual primeiro colocado do Campeonato Francês. O Monaco vem na vice-liderança com 45. Na rodada, a equipe do Principado terá pela frente o Lorient em casa. Dono do futebol francês nos últimos anos, o PSG vem apenas na terceira colocação com 42 tentos.

Deixe seu comentário