NBA

Basquete/NBA

Toronto luta até o fim, mas Warriors levam a melhor no jogo 2 das finais

São Paulo , SP
02/06/2019 23:48:59

Em: Basquete, Mais Esportes, NBA, Notícias

Deu Golden State no jogo 2 das finais da NBA. Neste domingo, na Scotiabank Arena (Canadá), os Warriors de Steve Kerr derrotaram o Toronto Raptors pelo placar de 109 a 104. Com o resultado, a série melhor-de-sete entre as equipes está empatada, já que os canadenses haviam vencido o primeiro duelo na última quinta-feira.

O grande destaque do embate foi Kawhi Leonard. Mesmo com a derrota, o ala anotou 34 pontos, combinados com 14 rebotes, três assistências, um roubo de bola e um toco.

O jogo 3 da grande decisão da principal liga de basquete do mundo será disputado na quarta-feira, às 22h00 (horário de Brasília). A partida será realizada na Oracle Arena, casa do time californiano.

Veja também: Depois de visita ao Brasil, Obama prestigia jogo 2 das finais da NBA

Equilíbrio inicial e brilho de Klay Thompson

O primeiro quarto do segundo jogo das finais começou como se esperava: com muito equilíbrio. Golden State demonstrou ter acertado seu desempenho sequencia no final do quarto e, muito pela presença de DeMarcus Cousins, mostrou dominância no aproveitamento dos rebotes ofensivos. Estrela do time californiano, Steph Curry, por outro lado, começou a partida de maneira tímida e sem acertar um arremesso de quadra.

Se por um lado Toronto não precisava se preocupar com o camisa 30 rival, o companheiro de equipe de Curry, Klay Thompson, demonstrou serviço. Marcando 11 pontos nos primeiros 12 minutos de jogo, Klay mostrava um jogo perigoso tanto nos chutes de 3, quanto na estratégia dentro do garrafão.

Camisa 11 dos Warriors foi o grande nome do primeiro quarto (Foto: Jesse D. Garrabrant / NBAE / Getty Images / AFP)

Toronto abre vantagem, mas Curry acorda pro jogo

Kawhi Leonard, Fred VanVleet, Danny Green… essas foram as principais armas para que Toronto voltasse para o segundo quarto disposto a abrir uma boa vantagem no embate. Deu certo. A equipe da casa voltou com tudo e conseguiu abrir boa diferença contra os comandados de Steve Kerr.

No entanto, um tal de Steph Curry acordou para o jogo. Faltando cerca de três minutos e meio para a ida ao intervalo, o primeiro arremesso de quadra do camisa 30 caiu. E, quando se viu, o “Brinquedinho Assassino” terminou a etapa inicial de partida com 16 pontos anotados, já surgindo entre os cestinhas do duelo. Curry, aliás, liderou a reação de Golden State no final do período, cortando a vantagem dos donos da casa para cinco pontos: 59 a 54.

Curry recuperou o bom basquete antes do intervalo (Foto: Jesse D. Garrabrant / NBAE / Getty Images / AFP)

Raptors mal e Warriors aproveitando

E o mau momento dos Raptors seguiu no início do terceiro quarto. A primeira bola de Toronto só foi cair na metade do período de 12 minutos – enquanto isso, os Warriors anotaram 18 pontos e reverteram completamente o cenário do jogo, da maneira que a equipe californiana mais gosta: ‘pegando fogo’ no retorno do intervalo.

Ao longo dos 12 minutos, o time da casa foi pouco a pouco se restabelecendo na partida e conseguiu, antes do último quarto de embate, diminuir a diferença rival para oito pontos.

Toronto passou quase seis minutos sem anotar uma cesta (Foto: Jesse D. Garrabrant / NBAE / Getty Images / AFP)

Bola decisiva de Iguodala mata o jogo

Os últimos minutos do jogo 2 das finais seguiram a linha dos primeiros, com muita emoção e equilíbrio. Toronto cortava a vantagem dos adversários e encostava no placar; pouco depois, Golden State abria nova diferença; e assim a roda girava. Enquanto o reserva Quinn Cook brilhava pelo lado dos Warriors, o técnico Steve Kerr teve que se preocupar com uma lesão de Klay Thompson, que levou a mão à coxa e se dirigiu aos vestiários.

Na reta final, a bola de três dos Raptors passou a cair ainda menos, ainda que os visitantes não atravessassem um bom momento na partida. Esbarrando nos erros e não conseguindo cortar a diferença, o time da casa esbarrou em Iguodala, que matou bola decisiva de três e, ao estouro final do cronômetro,

Deu Warriors no jogo 2 das finais da NBA (Foto: GREGORY SHAMUS / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP)