PM evita confusão e detém 173 atleticanos antes de clássico mineiro

São Paulo, SP

27-03-2016 21:01:24

Grupo de torcedores permaneceu sob domínio da polícia para investigação (Foto:Reprodução/Twitter)
Grupo de torcedores permaneceu sob domínio da polícia para investigação (Foto:Reprodução/Twitter)

O Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais efetuou a prisão de 173 torcedores atleticanos antes do clássico deste domingo, que acabou com vitória do Cruzeiro em jogo disputado no estádio Independência, na região metropolitana da capital. O grupo foi dirigido à delegacia para averiguação, de acordo com reportagem do Estado de Minas.

Segundo o comunicado do aparato militar, o princípio de confusão foi registrado nas proximidades do Minas Shopping, cuja estação de metrô faz parte da linha que conduz ao estádio do Galo. Cerca de 30 torcedores cruzeirenses estiveram envolvidos em embate contra mais de 100 atleticanos.

O tumulto começou quando a Máfia Azul, escoltada pela PM no trajeto ao estádio, foi alvejada por pedaços de pau, pedras e outros objetos. Os arremessos desmedidos atingiram carros da PM e do Batalhão de Choque, o que exigiu a presença de um maior efetivo no local.

No entanto, os cruzeirenses nem se dirigiam ao Independência. O grupo ia ao Barro Preto, clube tradicional da capital, para acompanhar o jogo através de um telão. O clima de intolerância marcou o encontro entre as torcidas, que não registrou nenhum ferido.

Deixe seu comentário