Caldense vence o Boa Esporte em jogo com três gols de pênalti

São Paulo, SP

17-02-2019 12:55:12

Neste domingo, Caldense e Boa Esporte deram sequência à sétima rodada do Campeonato Mineiro. No Estádio Ronaldo Junqueira, o Ronaldão, em Poços de Caldas, as equipes travaram duelo equilibrado, que terminou com vitória dos mandantes, de virada, por 2 a 1. Os gols foram marcados por Felipe Baiano, duas vezes, e Gindre. Os três em cobranças de pênalti.

O resultado importantíssimo para os donos da casa, que venceram pela primeira vez na competição e aliviaram um pouco o risco de rebaixamento, agora ocupando a oitava posição com sete pontos ganhos. Os visitantes, por outro lado, na quinta colocação com oito, perdem a chance de se firmar na parte de cima da tabela.

A rodada que vem está marcada para o próximo final de semana. Ambos as equipes vão a campo no domingo, quando a Veterana visita a Tombense e a Coruja recebe o América-MG.

O Jogo

A Caldense não teve tempo nem de respirar, e viu o Boa abrir o placar logo no primeiro minuto de jogo. Alexandre Lanzarini cometeu falta dentro da área e o árbitro assinalou pênalti para os visitantes. Gindre bateu e fez.

Depois do gol, o time de Varginha recuou em seu campo de defesa. Apesar da pressão, a Caldense não conseguia criar chances de perigo, e foi na base da insistência que achou o empate.

Em bola alçada na área do Boa, já aos 40 minutos, Lorran foi derrubado e novo pênalti foi marcado. Felipe Baiano foi para a bola e não decepcionou, igualando o marcador no Ronaldão.

Já na etapa final, a Caldense voltou melhor e coube a Lorran, outra vez, sofrer o mais novo pênalti da partida, desta vez derrubado por Chiquinho Alagoano. Felipe Baiano cobrou e fez seu segundo gol e o segundo da Caldense no jogo.

De resto, foram em cobranças de escanteio as melhores oportunidades do confronto. Primeiro por parte da Veterana, aos 17, que obrigou Renan Rocha a fazer boa defesa. Depois, foi a vez de Omar aparecer e evitar o empate da Coruja, já aos 39.

 

Deixe seu comentário