Futebol/Libertadores

Desfalcado, Furacão tenta cravar classificação diante do Jorge Wilstermann

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes - Curitiba , PR
24/04/2019 09:34:37 — 24/04/2019 09:39:49

Em: Athletico-PR, Futebol, Libertadores, Notícias
Treinador rubro-negro quer continuar fazendo história no clube (Miguel Locatelli/CAP)

Muito próximo de garantir a vaga para as oitavas e final da Libertadores da América e a primeira colocação antecipada do Grupo G, o Athletico Paranaense encara a altitude de Cochabamba, na Bolívia, onde enfrenta o Jorge Wilstermann, nesta quarta-feira, às 19h15 (de Brasília), no Estádio Félix Capriles. O Furacão, entretanto, terá dois desfalques importantes para a partida.

Mesmo com a definição da comissão técnica em treinar duas vezes na cidade antes do jogo para adaptação, o zagueiro Thiago Heleno foi vetado por conta de uma pré-disposição genética sanguínea que o limitaria na altitude. Com isso, Paulo André assume a vaga naturalmente. Outro jogador experiente que ficar de fora é o volante Lucho González, com uma lesão na panturrilha, abrindo espaço para a disputa entre Léo Cittadini e Tomás Andrade.

Reverenciado na Baixada e com sua permanência garantida após uma sondagem do Atlético Mineiro, o técnico Tiago Nunes destacou que a altitude pode influenciar, mas poderia ser pior em cidades ainda mais altas e, por isso, a expectativa é de repetir a mesma imposição demonstrada na Arena. “Existe uma diferença significativa em jogar na altitude. Nosso departamento de fisiologia já informou que esses efeitos se acentuam em torneios de três mil metros, o que não é o nosso caso. Tem que jogar fora de casa do mesmo jeito que dentro”, avaliou.

Sexto colocado no Torneio Apertura, com chances remotas de classificação na Libertadores e em crise, o time da casa ainda demitiu apenas alguns dias antes do confronto decisivo o técnico Miguel Angel Portugal, que não resistiu à derrota para o Oriente Petrolero no domingo. O argentino Norberto Kekes será o técnico interino, sem tempo para modificar muita coisa na equipe, que jogará suas últimas fichas e ainda terá que esperar por uma sequência complicada de resultados para se classificar.

FICHA TÉCNICA
JORGE WILSTERMANN X ATHLETICO PARANAENSE

Local: Estádio Félix Capriles, em Cochabamba (Bolívia)
Data: 24 de abril de 2019, quarta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Mario Diaz de Vivar (Paraguai)
Assistentes: Eduardo Cardozo (Paraguai) e Dario Gaona Paraguai)

ATHLETICO: Santos; Jonathan, Paulo André, Léo Pereira e Renan Lodi; Camacho, Bruno Guimarães e Léo Cittadini (Tomás Andrade); Nikão, Rony e Marco Ruben.
Técnico: Tiago Nunes

JORGE WILSTERMANN: Arnaldo Giménez; Alejandro Meleán, Alex Silva, Zenteno e Aponte; Ariel Núñez (Carlos Melgar), Fernando Saucedo, Jorge Ortíz, Serginho e Pochi Chávez; Lucas Gaúcho (Gilbert Alvarez).
Técnico: Norberto Kekes (interino)