Del Valle surpreende, vence Pumas nos pênaltis e garante vaga nas semis

São Paulo, SP

25-05-2016 00:04:02

O Independiente del Valle não para de surpreender na Copa Libertadores. Nesta terça-feira, a equipe equatoriana visitou o temido Pumas no estádio Olímpico Universitário e não se intimidou. Com um jogador a menos em campo durante o segundo tempo, conseguiu um gol salvador, perdeu por 2 a 1 no tempo normal e garantiu vaga nas semifinais do torneio ao bater os mexicanos por 5 a 3 nos pênaltis.

A classificação do Independiente del Valle foi heroica. Os equatorianos viram sua vantagem de 2 a 1 conquistada no jogo de ida cair logo com 17 minutos de partida, já que o Pumas abriu 2 a 0 com dois gols de Sosa. Na segunda etapa, os equatorianos ainda viram Ayala ser expulso, porém, conseguiram marcar um gol salvador com Sornoza e levar o jogo para as penalidades. Nas cobranças, a equipe de Sangolquí foi perfeita e converteu todas as suas cobranças, vencendo por 5 a 3 e garantindo uma vaga histórica nas semifinais da Copa Libertadores.

Com a classificação garantida, o Independiente del Valle irá enfrentar o Boca Juniors nas semifinais da Copa Libertadores. Os duelos ainda não possuem datas definidas, mas a previsão é que os jogos de ida e volta aconteçam nas semanas dos dia 6 e 13 de julho.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

O jogo - Apesar de jogar fora de casa, o Independiente del Valle começou a partida no ataque. Logo com um minuto de jogo, Mina aproveitou cobrança de escanteio e mandou de cabeça para fora.

Logo na sequência, aos dois, também em cobrança de escanteio, José Angulo apareceu livre na área e, com o goleiro já batido, finalizou de cabeça. O atacante, porém, mandou por cima do gol, desperdiçando grande chance de abrir o placar.

Aos 12, José Angulo teve nova oportunidade de cabeça. Desta vez, foi atrapalhado por boa defesa de Alejandro Palacio

Apesar da grande pressão inicial, o Independiente del Valle foi castigado pela efetividade do Pumas, que marcou dois gols em dois minutos. O primeiro aconteceu aos 15. Sosa recebeu lançamento, avançou em direção à área e bateu cruzado para abrir o placar. Na sequência, aos 17, novamente Sosa recebeu passe da direita e bateu da entrada da área para fazer o segundo e aumentar a vantagem.

Abatido com o gol sofrido, o Independiente del Valle diminuiu o ritmo de jogo e pouco criou. O Pumas só administrou o placar e ainda teve a chance de ampliar aos 43, porém, Sosa perdeu chance cara a cara com gol. Com isso, o duelo foi para o intervalo com vantagem de 2 a 0 dos mexicanos.

O duelo voltou para o segundo tempo e o Independiente del Valle teve a primeira grande chance da etapa final. Aos nove minutos, após boa troca de passes, Cabezas arriscou chute de fora da área e obrigou Palacios a fazer boa defesa.

Logo em seguida, aos 10, os equatorianos ficaram com um a menos após Ayala acertar o joelho de Sosa e receber o cartão vermelho.

Apesar da expulsão de Ayala passar a sensação de jogo praticamente liquidado, o del Valle foi valente e conseguiu diminuir o marcador mesmo com um jogador a menos. Aos 21 minutos, Sornoza cobrou falta para a área, a bola passou por José Angulo e Arturo Mina, o segundo em posição de impedimento, passou por debaixo das pernas do goleiro Palacios e acabou dentro do gol.

Após os equatorianos diminuírem o placar, o jogo ganhou muito em nervosismo. Apesar de uma superioridade do Pumas, nenhuma das duas equipes conseguiram criar chances claras de gol. Com isso, a partida se encaminhou para a penalidades.

Nas cobranças, o modesto Independiente del Valle foi perfeito e converteu todas as suas chances. Os equatorianos ainda contaram com um pênalti perdido por Sosa, que havia marcado dois gols no tempo normal, e garantiram a classificação com vitória por 5 a 3 nas penalidades.

Deixe seu comentário