Gazeta Esportiva

Baila Madrid! Com gol e dança de Rodrygo, Real vence o Atlético em clássico polêmico

São Paulo, SP

18/09/22 | 17:58 - 18/09/22 | 17:59

Neste domingo, Real Madrid e Atlético de Madrid se enfrentaram em um clássico polêmico pela sexta rodada do Campeonato Espanhol. Nos últimos dias - e antes do apito inicial-, o atacante brasileiro Vinícius Júnior foi alvo de ofensas racistas por suas comemorações com danças. Com a bola rolando, o Real deu a resposta e venceu por 2 a 1, com direito a gol de outro brasileiro, Rodrygo, e dança com Vini Jr. na celebração.

O resultado mantém o Real Madrid na liderança, com 18 pontos, dois acima do vice-líder Barcelona. Do outro lado, o Atleti está em começo complicado na competição e ocupa a sétima posição, com 10 pontos.

O jogo

A partida começou bastante disputada, mas quem teve as melhores chegadas foi o Atlético de Madrid. Aos 11 minutos, Carrasco entrou na área pela direita, balançou e bateu para o gol, mas a bola foi na rede pelo lado de fora. Na sequência, em escanteio, João Felix bateu para o gol após erro de Courtois, mas foi travado pela marcação.

Quem saiu na frente, porém, foi o Real Madrid. Aos 17 minutos, Tchouameni levantou na medida para deixar Rodrygo sozinho dentro da área. O brasileiro chegou batendo de primeiro e marcou o gol. Na comemoração, o brasileiro chamou Vinícius Júnior para dançar na frente da torcida do Atlético, respondendo as ofensas racistas sofridas pelo companheiro de ataque.


Aos 35 minutos, Vini Jr. saiu cara a cara com o Oblak e bateu rasteiro, no pé da trave. Após acertar o poste, porém, a bola ficou servida para Valverde, que chutou de primeira e fez o segundo gol do Real Madrid. O gol foi o último do primeiro tempo.

Segunda etapa

No segundo tempo, o Atlético de Madrid pressionou bastante em busca de uma reação, mas encontrou dificuldades para chegar com perigo à meta de Courtois. Do outro lado, o Real ganhou tranquilidade com a vantagem construída e, assim, procurou explorar os espaços deixados pelo rival.

A pressão do time da casa deu certo. Aos 37 minutos do segundo tempo, Courtois saiu mal em escanteio e deixou o gol aberto para Mario Hermoso desviar com o ombro e, assim, diminuir o placar.

Nos minutos finais, o clima esquentou após falta de Carvajal, gerando a revolta de Hermoso e um início de confusão generalizada entre as equipes. Logo na sequência, em escanteio, Hermoso voltou a ser o foco da briga e recebeu cartão vermelho após empurrão em Ceballos.

A expulsão quebrou o ritmo ofensivo do time da casa e, assim, os Merengues administraram o placar nos minutos finais e confirmaram a vitória por 2 a 1.

Próximos duelos 

O Real Madrid volta a campo apenas no dia 2 de outubro (domingo), às 16 horas (de Brasília), para receber o Osasuna. Já o Atlético de Madrid joga um dia antes, às 13h30, contra o Sevilla, fora de casa.

Outros jogos deste domingo, pelo Campeonato Espanhol

  • Osasuna 0 x 2 Getafe
  • Villarreal 1 x 1 Sevilla
  • Real Sociedad 2 x 1 Espanyol
  • Betis 2 x 1 Girona
Deixe seu comentário