Uruguai visita o Equador em duelo de líderes

São Paulo, SP

12-11-2015 12:00:50

Vindo de duas vitórias, o Uruguai faz duelo de líderes com o Equador, que tem a mesma campanha (foto: Rodrigo Buendia/AFP)
Vindo de duas vitórias, o Uruguai faz duelo de líderes com o Equador, que tem a mesma campanha (foto: Rodrigo Buendia/AFP)

Choque de líderes. Assim pode ser considerado o duelo entre Equador e Uruguai, que se enfrentam nesta quinta-feira, às 19 horas (de Brasília), no Estádio Atahualpa, em Quito, pela terceira rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, que será disputada na Rússia. Os dois times, ao lado do Chile, dividem a liderança com seis pontos e cem por cento de aproveitamento. Levando vantagem nos critérios de desempate, a Celeste venceu Bolívia por 2 a 0 e Colômbia por 3 a 0. Já os equatorianos se limitaram a fazer 2 a 0, primeiro na Argentina, na maior zebra do torneio até aqui, e depois nos bolivianos.

A boa fase vivida pelas duas seleções é motivo de preocupação pelos treinador. Óscar Tabárez, comandante do Uruguai, entende que a partida pode ter um peso importante na caminhada do time celeste.

"Esse é um jogo em que qualquer resultado que não seja perder pode ser considerado bom, pois será como visitante e diante de um dos postulantes a uma vaga na Copa do Mundo. O Equador vem muito forte e não é por acaso. Portanto, precisamos ter muito respeito pelo adversário e cuidado com o nosso comportamento. Mas temos que ter em mente, também, que a vitória pode ser decisiva mais na frente", analisou Tabárez.

O técnico do Equador, Gustavo Quintero, acredita que o time precisa tomar a iniciativa na partida (foto: Rodrigo Buendia/AFP)
O técnico do Equador, Gustavo Quinteros, acredita que o time precisa tomar a iniciativa na partida (foto: Rodrigo Buendia/AFP)

Gustavo Quinteros, comandante do Equador, prega uma postura ofensiva, mas também faz seus alertas defensivos sobre os perigos dos uruguaios.

"Como vamos jogar em casa acredito que a proposta de jogo deva partir do Equador. Mas não podemos vacilar em alguns aspectos, como as boas jogadas de bola parada do Uruguai. O Equador precisa seguir vencendo para aproveitar seu bom momento para somar pontos", disse Quinteros.

Em termos de escalação, o Equador sofreu algumas baixas importantes para esse jogo, sendo as principais delas os meias Enner Valencia e Antonio Valencia, ambos lesionados. Justamente por conta disso que seu treinador avisou que só vai divulgar a escalação minutos antes do confronto.

O Uruguai vai modificado para este duelo. Nicolás Lodeiro será o substituto de Álvaro Pereira no meio-de-campo. A mudança é apenas por opção do treinador, que no ataque decidiu barrar Diego Rolán, que cederá seu posto a Abel Hernández. O setor segue carente de Luis Suárez, que continua cumprindo suspensão imposta pela Fifa por conta de sua mordida na Copa do Mundo.

FICHA TÉCNICA
EQUADOR x URUGUAI

Local: Estádio Atahualpa, em Quito (Equador)
Data: 12 de novembro de 2015 (Quinta-feira)
Horário: 19h(de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Brasil)
Assistentes: Fabricio Da Silva e Rodrigo Correa (ambos do Brasil)

EQUADOR: Alexander Domínguez, Juan Paredes, Gabriel Achilier, Frickson Erazo e Walter Ayoví; Christian Noboa, Ángel Mena, Pedro Quiñónez e Jefferson Montero; Felipe Caicedo e Miller Bolaños
Técnico: Gustavo Quinteros

URUGUAI: Fernando Muslera, Maximiliano Pereira, Sebastián Coates, Diego Godín e Martín Cáceres; Carlos Sánchez, Egidio Arévalo Ríos, Álvaro González e Nicolás Lodeiro; Abel Hernández e Edinson Cavani
Técnico: Óscar Tabárez

Deixe seu comentário