Com retorno de Iniesta, Lopetegui convoca seleção da Espanha

São Paulo, SP

30-09-2016 10:40:15

(Foto: Valery Hache/AFP)
Fora da última convocação por conta de lesão, Iniesta está de volta à seleção da Espanha (Foto: Valery Hache/AFP)

O técnico Julen Lopetegui divulgou nesta sexta-feira a lista de convocados para defender a Espanha nos próximos dois compromissos da seleção, válidos pelas Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Com seis mudanças em relação à convocação anterior, a grande novidade é o retorno de Andrés Iniesta, um dos principais nomes e ídolo do Barcelona.

Líder do Grupo G, a seleção campeã do mundo em 2010 estreou com uma vitória convincente em casa, quando venceu Liechtenstein por 8 a 0. Agora, jogará as duas próximas partidas na condição de visitante. No dia 6 de outubro, encara a tetracampeã Itália e, no dia 9, a Albânia.

O treinador tirou seis e adicionou outros seis nomes à lista. O goleiro Adrián, do West Ham, foi substituído por Sergio Rico, do Sevilla. Ademais, Azpilicueta, Bartra, Marco Asensio, Paco Alcácer e Juan Mata cederam suas vagas a Nacho, Saúl Ñíguez, Iniesta, Isco e Callejón.

Entre os retornos, o do capitão do Barça já era previsto, pois não foi relacionado para o último jogo por conta de uma lesão. O de Isco surpreende, já que o meia jogou apenas 57 minutos nesta temporada pelo Real Madrid, todos na condição de reserva. Ausente na última convocatória, Cesc Fábregas segue fora dos planos do comandante.

Confira a lista de convocados:

Goleiros: De Gea (Manchester United), Reina (Napoli) e Sergio Rico (Sevilla)

Defensores: Nacho (Real Madrid), Jordi Alba (Barcelona), Carvajal (Real Madrid), Sergio Ramos (Real Madrid) e Piqué (Barcelona)

Meio-campistas: Javi Martínez (Bayern de Munique), Koke (Atlético de Madrid), Sergi Roberto (Barcelona), Saúl (Atlético de Madrid), Busquets (Barcelona), Silva (Manchester City), Lucas Vázquez (Real Madrid), Iniesta (Barcelona), Thiago (Bayern de Munique) e Isco (Real Madrid)

Atacantes: Callejón (Napoli), Vitolo (Sevilla), Morata (Real Madrid), Diego Costa (Chelsea) e Nolito (Manchester City)

Deixe seu comentário