Futebol/Copa Sul-Americana

Saiba tudo sobre o Independiente del Valle, rival do Corinthians na Sul-Americana

O Corinthians entra em campo nesta quarta-feira, às 21h30 (horário de Brasília), em duelo contra o Independiente Del Valle pelo jogo de ida das semifinais da Copa Sul-Americana. Os equatorianos, cujo maior triunfo foi o vice-campeonato da Libertadores de 2016, enfrentam o Timão pela primeira vez em sua história.

Novo grande do Equador, o clube, fundado em 1958 na cidade de Sangolquí, a cerca de 25km da capital Quito, só chegou à primeira divisão do país em 2009. Desde então, não caiu mais e chegou ao vice-campeonato nacional em 2013, além de perder a decisão da Libertadores de 2016 para o Atlético Nacional, após eliminar o Boca Juniors na Bombonera.

(Foto: Arte/Gazeta Esportiva)

Nesta temporada, a equipe se encontra na 2ª posição do Campeonato Equatoriano, com poucas chances de faturar o título a cinco rodadas do fim. A equipe soma 48 pontos, contra 56 do 1º colocado Macara.

Na Copa Sul-Americana, a equipe eliminou o Unión Santa Fé-ARG, Universidad Católica-CHI, Caracas-VEN e Independiente-ARG, somando quatro vitórias, um empate e três derrotas, para 54,2% de aproveitamento, 13 gols pró e sete tentos contra. O ataque dos equatorianos é o segundo melhor da competição, empatado com o Colón.

Jovem técnico espanhol

Desde maio deste ano, a equipe é comandada pelo jovem treinador espanhol Miguel Ángel Ramírez, de 34 anos. Com passagens como técnico das categorias de base do Las Palmas e do Alavés, Ramírez tem licença profissional da Uefa e é mestre em educação física.

O comandante saiu da Espanha em 2012 rumo ao Qatar para fazer parte da equipe técnica da Academia Aspire, mega complexo esportivo em Doha que auxilia na formação de jovens jogadores do país. Após seis anos no projeto, e também trabalhando como auxiliar das equipes sub-17 e sub-19, Ramírez deixou o Oriente Médio para trabalhar no Del Valle.

Miguel Ángel Ramírez (Foto: Reprodução/Twitter)

O treinador chegou ao clube em 2018 para auxiliar na formação do clube, trazendo como experiência o que viveu no Qatar. 11 meses depois, o espanhol foi nomeado treinador da equipe principal após demissão de seu conterrâneo Ismael Rescalvo.

No comando da equipe, Ramírez soma nove vitórias, quatro empates e cinco derrotas em 18 jogos, com 29 gols marcados e 19 sofridos. Na Sul-Americana, assumiu entre os jogos da segunda fase e conseguiu conduzir a equipe ao seu melhor resultado na história da competição.

Destaques da equipe

Os principais destaques do Del Valle são dois equatorianos, o atacante Dájome, artilheiro da equipe na Sul-Americana, com três gols, e no Campeonato Equatoriano, com cinco; e o meio-campista Efrén Mera, camisa 10 e organizador da equipe, que também soma cinco tentos no campeonato nacional e está desde 2017 no clube.

“El Cachorro” Mera em ação pelo Del Valle (Foto: Reprodução/Twitter)