Futebol/Copa do Brasil

Cruzeiro supera gramado irregular e bate Murici-AL fora de casa

Do correspondente Marcellus Madureira - Belo Horizonte, MG
08/03/2017 23:49:15 — 08/03/2017 23:52:49

Em: Copa do Brasil, Cruzeiro, Futebol
(Foto: Thiago Parmalat/Light Press/Cruzeiro)
Cruzeiro conquistou importante vitória na Copa do Brasil (Foto: Thiago Parmalat/Light Press/Cruzeiro)

O Cruzeiro conseguiu uma boa vitória diante do Murici-AL, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, no estádio José Gomes da Costa. O resultado coloca a Raposa em boa condição, e espera a próxima semana para confirmar a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil. O gramado foi um destaque negativo, claramente complicando o bom andamento da partida.

O Murici-AL foi um adversário não muito fácil de ser superado. Embora seja uma equipe com potencial financeiro menor, o time tentou jogar de igual para igual no primeiro tempo e agredir a Raposa. O resultado celeste foi construído na etapa complementar.

As equipes entram em campo na próxima quarta-feira, no Mineirão, para o jogo que define quem se classifica para a quarta fase da Copa do Brasil.

Primeiro tempo

O Murici-AL parecia não reconhecer a grandeza do adversário que tinha pela frente. O time encarava a Raposa e buscava o resultado, demonstrando que sabia atuar, ocupando bem os espaços e se fechando quando necessário.

O detalhe, porém, era o gramado. A polêmica da semana seguiu sendo primordial na partida e atrapalhou o andamento do jogo. As equipes tentavam jogar, mas não conseguiam.

Aos 28 minutos, o Murici-AL quase abriu o placar. Deysinho recebeu a bola na frente, finalizou com bastante perigo e Rafael foi importante para fazer a defesa e segurar o resultado.

O Cruzeiro, por sua vez, também buscava o jogo e chegava em algumas oportunidades com perigo. Aos 35, em contra-ataque celeste, Rafael Sóbis tirou do goleiro, mas a redonda correu demais e ele não conseguiu alcançar.

Segundo tempo

A partida voltou parecida para a etapa complementar, com as equipes aproveitando suas maneiras de jogar. O gramado também permanecia sendo um problema para os dois lados.

O empate durou até os 27 minutos. O meia Thiago Neves cruzou na área e Manoel subiu mais que todo mundo para o Cruzeiro marcar seu primeiro gol da noite. Para fechar a contagem, o atacante Ramon Ábila recebeu na frente, aos 43, chutou forte e marcou o segundo gol azul.

FICHA TÉCNICA:
MURICI-AL 0 X 2 CRUZEIRO

Local: Estádio José Gomes da Costa, em Alagoas
Data: 08 de março de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: José Eduardo Calza (RS) e Lucio Flor (RS)
Cartões: Cláudio (Murici-AL); Ezequiel (Cruzeiro)

Gols: Cruzeiro: Manoel, aos 27 do segundo tempo, e Ramon Ábila, aos 43 da etapa complementar

MURICI-AL: Dias; Paulo Sérgio (João Paulo), Cláudio, Edson Veneno e Patrick; Edvaldo, Guêba, Júnior Murici,  e Deizinho; Alexandre (Alexsandro) e Kattê (Tarcísio)
Técnico: Remi Calheiros

CRUZEIRO: Rafael; Ezequiel, Léo, Manoel, Fabrício; Henrique, Ariel Cabral, Alisson (Rafinha), Thiago Neves; Arrascaeta (Elber) e Rafael Sóbis (Ramon Ábila)
Técnico: Mano Menezes