Gazeta Esportiva

Porto faz grande partida, vence Bayern e leva vantagem para Munique

São Paulo, SP

15/04/15 | 17:41

O Porto surpreendeu nesta quarta-feira e conseguiu impor 3 a 1 sobre o Bayern de Munique no primeiro jogo das quartas de final da Liga dos Campeões. Jogando em casa, no Estádio do Dragão, a equipe portuguesa apostou na marcação forte sobre a saída de bola dos alemães, e a estratégia deu resultado no primeiro minuto, quando Neuer fez pênalti em Jackson Martínez. Na cobrança, Ricardo Quaresma deslocou o goleiro e converteu. O português ainda voltou a marcar aos nove minutos, e o outro tento dos Dragões foi anotado pelo colombiano Martínez, na segunda etapa. Já os comandados de Guardiola foram às redes com Thiago Alcântara, ainda antes do intervalo.

O Porto surpreendeu nesta quarta-feira e conseguiu impor 3 a 1 sobre o Bayern de Munique no primeiro jogo das quartas de final da Liga dos Campeões. Jogando em casa, no Estádio do Dragão, a equipe portuguesa apostou na marcação forte sobre a saída de bola dos alemães, e a estratégia deu resultado no primeiro minuto, quando Neuer fez pênalti em Jackson Martínez. Na cobrança, Ricardo Quaresma deslocou o goleiro e converteu. O português ainda voltou a marcar aos nove minutos, e o outro tento dos Dragões foi anotado pelo colombiano Martínez, na segunda etapa. Já os comandados de Guardiola foram às redes com Thiago Alcântara, ainda antes do intervalo.

Apesar do belo resultado na partida de ida, o Porto terá problemas em Munique. Isso porque os laterais brasileiros Alex Sandro e Danilo, que estavam pendurados, receberam o terceiro cartão amarelo e não poderão atuar. A vantagem no placar agregado, no entanto, é boa, e os portugueses podem até perder por um gol de diferença na Alemanha. O duelo de volta acontece no dia 21/04 (próxima terça-feira), na Allianz Arena.

O jogo- No Estádio do Dragão, o início foi melhor do que o torcedor mais otimista do Porto poderia imaginar. Logo no primeiro minuto de bola rolando, Xabi Alonso recebeu passe na frente da área do Bayern e dominou mal. Martínez aproveitou a bobeada e roubou a bola, invadiu a área e tentou driblar Neuer, que saiu do gol e derrubou o colombiano. O juiz Carlos Velasco Carballo marcou pênalti e mostrou cartão amarelo para o goleiro alemão.

O português Ricardo Quaresma deslocou o arqueiro adversário e mandou no canto esquerdo da meta para abrir o placar. Após o tento inicial, os donos da casa continuaram apostando na estratégia dos primeiros minutos e marcavam pressão na saída de bola do Bayern. A equipe alemã, por sua vez, tinha dificuldades para encaixar suas tradicionais trocas de passes.

O português Quaresma converteu pênalti sofrido por Martínez para abrir o placar (Foto: Miguel Riopa)
O português Quaresma converteu pênalti sofrido por Martínez para abrir o placar (Foto: Miguel Riopa) - Credito: AFP

A pressão exercida sobre a defesa do Bayern não tardou a dar resultados novamente. Aos nove minutos, Quaresma aproveitou vacilo de Dante, que não dominou passe de Lahm, roubou a bola, invadiu a área e tocou na saída de Neuer para marcar seu segundo na partida e ampliar a vantagem dos portugueses.

Diante da desvantagem logo no início do jogo, a equipe alemã reagiu através das trocas de passes, e passou a ocupar melhor os espaços no meio campo e tomar conta da posse de bola. A nova postura deu resultado aos 27 minutos, quando o zagueiro Boateng recebeu lançamento na ponta direita e cruzou rasteiro para a pequena área; Martins Indi não conseguiu fazer o corte e Thiago Alcântara chegou de trás para mandar a bola para o fundo da rede e diminuir a desvantagem no placar.

O jogo ficou equilibrado na sequência. Os donos da casa voltaram a pressionar a saída de bola adversária, e conseguiram chegar com perigo aos 33 minutos, em chute de Alex Sandro, bloqueado pela zaga. Três minutos depois, o lateral brasileiro recebeu cartão amarelo e, como estava pendurado, não poderá participar do segundo jogo.

Thiago Alcântara descontou para o Bayern e se apressou para recolocar a bola em jogo (Foto: Miguel Riopa)
Thiago Alcântara descontou para o Bayern e se apressou para recolocar a bola em jogo (Foto: Miguel Riopa) - Credito: AFP

Após primeiro tempo com posse predominante do Bayern (67%), mas menor eficiência, a etapa complementar começou mais acirrada no Estádio do Dragão. Enquanto os donos da casa tentavam se manter pressionando a saída de bola dos alemães, os comandados de Pep Guardiola procuravam colocar em prática suas características trocas de passes para envolver os adversários, mas encontravam dificuldades.

Aos 10 minutos, Guardiola trocou Gotze por Rode. Mas, aos 11, foi o time da casa que teve chance perigosa de marcar. Após cruzamento de Danilo da direita, Quaresma chegou batendo de trás e parou em bela defesa de Neuer, que mostrou todo seu reflexo para espalmar pela linha de fundo.

Mas, oito minutos depois, a muralha alemã voltou a ser superada. O brasileiro Alex Sandro deu belo lançamento para Jackson Martínez, que ganhou da zaga no alto, invadiu a área e driblou Neuer antes de empurrar para o fundo das redes e aumentar a vantagem portuguesa no marcador.

O colombiano Jackson Martínez driblou Neuer para deixar sua marca na segunda etapa (Foto: Miguel Riopa)
O colombiano Jackson Martínez driblou Neuer para deixar sua marca na segunda etapa (Foto: Miguel Riopa) - Credito: AFP

Na sequência, Pep Guardiola trocou Xabi Alonso pelo zagueiro Badstuber, mas o time passou a aparecer com ainda mais frequência no campo de ataque. Apesar disso, a equipe fugia das características tradicionais do Bayern e apostava no “abafa”, cruzando seguidas bolas na área e pressionando o Porto.

Aos 37 minutos, o brasileiro Danilo deu carrinho forte em Bernat para evitar cruzamento na área e também recebeu cartão amarelo. Sendo assim, o lateral é mais um desfalque do time português para o segundo jogo. Nos últimos minutos, a equipe alemã intensificou a pressão e cruzou muitas bolas em direção à meta do goleiro Fabiano, mas os portugueses conseguiram resistir e levarão boa vantagem para o duelo da volta.

Deixe seu comentário