Gazeta Esportiva

Allegri comemora retorno do “decisivo” Pirlo à Juventus após sete semanas

São Paulo, SP

15/04/15 | 11:04

A vitória sobre o Monaco foi ótima para a Juventus na luta por vaga nas semifinais da Liga dos Campeões, mas ainda teve outro fator a se comemorar. O maestro Pirlo voltou a campo após sete semanas de molho, tendo sido importante na construção do 1 a 0. Segundo o técnico Massimiliano Allegri, o veterano é essencial no meio-campo alvinegro.

A vitória sobre o Monaco foi ótima para a Juventus na luta por vaga nas semifinais da Liga dos Campeões, mas ainda teve outro fator a se comemorar. O maestro Pirlo voltou a campo após sete semanas de molho, tendo sido importante na construção do 1 a 0. Segundo o técnico Massimiliano Allegri, o veterano é essencial no meio-campo alvinegro.

“PIrlo teve bons 70 minutos, o que é excelente considerando que ele não jogava há 50 dias”, avalia Allegri, que trocou o meio-campista por Barzagli aos 29 minutos do segundo tempo. “Jogadas-chave podem ser decisivas nesse tipo de jogo e precisamos de passes com grande qualidade para encontrar espaços em defesas tão fechadas. De fato, a presença dele (Pirlo) foi decisiva para o pênalti.”

Foi na cobrança da infração que Vidal garantiu o triunfo mínimo à Juve. Se o placar parece magro à primeira vista, Allegri lembra a força do adversário para exaltar a conquista. “Penso que o resultado foi merecido, o Monaco tem a defesa mais forte da Liga dos Campeões. Estamos nas quartas de final, então aqueles que esperam que vençamos por 3 a 0 estão de brincadeira”, avisa o treinador.

A Juventus viaja à França na semana que vem para decidir se estará ou não nas semifinais. O reencontro será às 15h45 (de Brasília) do próximo dia 22, no Stade Louis II. Qualquer empate serve à Velha Senhora, e marcar fora de casa aumenta a vantagem conquistada em Turim.

Brigador, Pirlo comandou o meio-campo da Juventus e ainda se doou à marcação contra Monaco (Foto: Giuseppe Cacace)
Brigador, Pirlo comandou o meio-campo da Juventus e ainda se doou à marcação contra Monaco (Foto: Giuseppe Cacace) - Credito: AFP

Deixe seu comentário