Futebol/Brasileiro Série B

Sampaio vence Paysandu em duelo direto e reage na luta pelo acesso

São Paulo , SP
24/10/2015 19:32:37 — 24/10/2015 19:34:02

Em: Brasileiro Série B, Futebol, Paysandu, Sampaio Corrêa

Abrindo a 32ª rodada, o Sampaio Corrêa venceu o Paysandu por 2 a 0 neste sábado. No Castelão, Jheimy fez os dois gols que quebraram sequência negativa do time maranhense, que não vencia há seis rodadas da Série B do Campeonato Brasileiro.

O resultado permite ao Tubarão dar um pulo na equilibrada classificação da Segundona, chegando ao quinto lugar. Com 50 pontos, o time maranhense fica quatro abaixo do quarto colocado Bahia e tenta diminuir a desvantagem em visita ao ABC, no sábado.

Em derrocada, o Paysandu não vence há seis rodadas e vê suas chances de acesso diminuírem. Estacionado nos 49 pontos, tenta reagir no sábado, quando recebe o CRB pela 33ª rodada.

O jogo — Logo aos oito minutos, Edgar invadiu a área e mesmo sem ângulo acertou a trave, dando ao Paysandu o cartão de visitas tricolor. Pouco depois o goleiro Emerson teve que se virar sem a ajuda dos postes e fez grande defesa em chute à queima-roupa de Jheimy.

Dominando a partida, o Sampaio criou chance até para o adversário: um recuo perigoso quase surpreendeu Rodrigo Viana. Em seguida o Paysandu levou perigo com as próprias forças, tendo o goleiro tricolor operado um milagre em arremate de Welinton Junior.

Quando o equilíbrio das chances parecia marcar o ritmo da partida, o Sampaio Corrêa saiu na frente em erro de marcação da defesa adversária. A bola levantada em escanteio rebateu e sobrou para Jheimy abrir o placar. Nem as boas tentativas longas do Papão remediaram as falhas defensivas antes do intervalo.

Após o intervalo o jogo continuou aberto e bem movimentado. Um chute colocado de Edgar obrigou Emerson a fazer grande defesa, e no lance seguinte Welinton Junior só não recebeu na cara do gol porque a zaga do Sampaio apareceu na hora exata.

Daí em diante Edgar virou protagonista, criando duas chances e pedindo um pênalti questionável. O Paysandu respondeu acertando o travessão com Welinton Junior, cujo chute insistiu em quicar fora do gol.

Do outro lado, Válber também fez o travessão balançar no primeiro de dois chutes que quase ampliaram o placar para o Sampaio. Nos acréscimos, Jheimy aproveitou falha de Ricardo Capanema e não perdoou, fechando o placar do triunfo tricolor.

FICHA TÉCNICA
SAMPAIO CORRÊA 2 X 0 PAYSANDU

Local: Estádio Governador João Castelo Ribeiro Gonçalves (Castelão), em São Luís (MA)
Data: 24 de outubro de 2015, sábado
Horário: 17h30 (de Brasília)
Árbitro: José Claudio Rocha Filho (SP)
Assistentes: Danilo Simon Manis (SP) e Fabio Rogério Baesteiro (SP)
Cartões Amarelos: Fahel (Paysandu)
Gols:
SAMPAIO CORRÊA: Jheimy, aos 25 minutos do primeiro tempo e aos 49 minutos do segundo tempo

SAMPAIO CORRÊA: Rodrigo Viana; Daniel, Plínio, Luiz Otávio e Raí; Léo Salino, Diones (Dê), Nadson e Pimentinha (Henrique); Edgar (Válber) e Jheimy
Técnico: Leonardo Condé

PAYSANDU: Emerson, Yago Pikachu, Dão, Pablo e João Lucas; Fahel (Misael), Jhonatan, Ricardo Capanema e Carlinhos (Roni); Leandro Cearense e Welinton Junior (Aylon)
Técnico: Dado Cavalcanti