Futebol/Brasileiro Série B

Mané Garrincha ajuda Botafogo a vencer ABC e conquistar Série B

Gazeta Press - Rio de Janeiro , RJ
20/11/2015 23:24:45 — 21/11/2015 01:15:40

Em: ABC, Botafogo, Brasileiro Série B, Futebol
O Botafogo festejou na noite desta sexta-feira o título (Foto: Vítor Silva/SS Press)
O Botafogo festejou na noite desta sexta-feira o título (Foto: Vítor Silva/SS Press)

A torcida do Botafogo já pode tirar o grito da garganta: o time confirmou o título da Série B do Campeonato Brasileiro ao vencer por 2 a 1 o ABC, no estádio Mané Garrincha, em Brasília, nesta sexta-feira. O local da partida torna a conquista ainda mais simbólica, já que o palco leva o nome do ídolo alvinegro. Com o resultado, os cariocas chegaram a 71 pontos e não podem mais ser alcançados pelos rivais. Os gols da vitória botafoguense aconteceram no primeiro tempo, com Roger Carvalho e William Arão. Erivélton descontou para o time potiguar, já rebaixado.

Na última rodada, os cariocas vão atuar em clima de festa diante da torcida, no próximo sábado, contra o América-MG, no estádio Nilton Santos. Já o ABC fecha sua participação na Série B no mesmo dia, contra outro rebaixado, o Boa, em Varginha.

O jogo – O Botafogo começou a partida melhor e pressionou o ABC nos primeiros minutos, como na chance criada aos sete. Daniel Carvalho fez boa jogada individual e finalizou da entrada da área, mas o goleiro Saulo fez grande defesa para salvar o time potiguar. No entanto, na cobrança de escanteio, o arqueiro saiu mal e viu Roger Carvalho cabecear para a rede.

Mesmo depois do gol, o Botafogo seguiu com o domínio da partida, mas não conseguia criar boa jogadas. Com isso, o ABC ganhou confiança e começou a buscar o ataque com mais intensidade. Não demorou para o time potiguar chegar ao empate. Aos 22 minutos, Pingo cruzou rasteiro pela direita e Erivélton apareceu no meio da área para chutar sem chance para Jefferson.

O revés parcial fez o Glorioso voltar a buscar o ataque com mais vontade. Os cariocas tinham dificuldade, mas conseguiram chegar ao segundo gol aos 32 minutos. Neilton acertou belo passe para William Arão na área e o volante finalizou na saída de Saulo para recolocar os botafoguenses à frente no Mané Garrincha.

Com a vantagem no placar, o Botafogo diminuiu o ritmo e viu o ABC melhorar na parte final. Tanto que os potiguares quase empataram aos 40 minutos. Adriano Alves aproveitou cruzamento para cabecear livre, só que para fora. Assim, os botafoguenses foram para o intervalo a frente no marcador em Brasília.

No segundo tempo, o time carioca voltou com mais disposição e quase ampliou logo com um minuto. Daniel Carvalho fez boa jogada individual, mas chutou fraco. Mesmo assim, Saulo teve dificuldade em salvar o ABC e tirou o gol com os pés.

No entanto, o lance acabou sendo o único de perigo no confronto no início da etapa final. O Botafogo tinha mais posse de bola, buscava o ataque, mas pecava na criação de boas jogadas. O ABC era tímido no ataque e não incomodava o goleiro Jefferson. Somente aos 24 minutos, o ABC assustou os cariocas. Rafael Silva fez boa jogada pela esquerda e tocou para Chiclete na área. O meia finalizou, mas em cima da zaga botafoguense.

A vitória por 2 a 1 no simbólico Mané Garrincha deu o título da Série B ao Botafogo (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)
A vitória por 2 a 1 no simbólico Mané Garrincha deu o título da Série B ao Botafogo (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)

O susto fez o Botafogo melhorar na marcação. Os cariocas quase marcaram o terceiro aos 36 minutos. Após cruzamento rasteiro de Ronaldo, a bola passou por todo mundo, mas Fernandes não chegou a tempo de finalizar. Nos minutos finais, os botafoguenses apenas administraram o resultado até o fim do jogo e puderam comemorar o título da Série B com uma rodada de antecedência.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 1 ABC-RN

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 20 de novembro de 2015, sexta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)
Assistentes: José Reinaldo Nascimento Júnior (DF) e Ciro Chaban Junqueira (DF)
Renda: R$ 444.000,00
Público: 8.132 pagantes
Cartões amarelos: Ronaldo (Botafogo); Luizão, Romarinho, Reginaldo, Adriano Alves e Rafael Miranda (ABC)

GOLS:
BOTAFOGO: Roger Carvalho, aos 8min do primeiro tempo; William Arão, aos 32min do primeiro tempo
ABC: Erivélton, aos 22min do primeiro tempo

BOTAFOGO: Jefferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Diego Giaretta; Rodrigo Lindoso, Willian Arão, Fernandes (Elvis) e Daniel Carvalho (Lulinha); Neilton e Alvaro Navarro (Ronaldo)
Técnico: Ricardo Gomes

ABC: Saulo; Reginaldo, Luizão, Adriano Alves e Ednei; Fábio Bahia, Rafael Miranda, Erivélton (Romarinho) e Ronaldo Mendes (Chiclete); Pingo (Rafael Silva) e Bismark
Técnico: Sérgio China