Brasileiro Série B

Estádio Brinco de Ouro | 21/08/2018

Campeonato Brasileiro Série B

Guarani bate Atlético-GO e assume a quinta colocação da Série B

São Paulo , SP
21/08/2018 23:23:18 — 21/08/2018 23:24:24

Em: Atlético-GO, Brasileiro Série B, Guarani

Jogando no Brinco de Ouro, o Guarani venceu o Atlético-GO e assumiu a quinta colocação do Campeonato Brasileiro Série B. Os gols do triunfo por 2 a 0 da partida da 22ª rodada foram marcados por Bruno Mendes e Fabrício. Com o resultado desta terça-feira, o time de Campinas foi a 35 pontos, um a menos do que o quarto colocado Avaí. Já o Dragão cai para o sexto posto e permanece com 34 pontos.

Na próxima rodada, o time paulista enfrentará o Guarani no Dérbi Campineiro, no sábado, às 16h30 (de Brasília), no estádio Moisés Lucarelli. Por sua vez, o Atlético-GO receberá o CRB, na sexta-feira, às 21h30, no estádio Antônio Accioly.

O jogo

O Guarani começou bem a partida e chegou ao ataque aos cinco minutos. Depois de desarme no meio, o Bugre puxou contra-ataque e Rondinelly lançou Bruno Mendes, que cruzou. Bruno Xavier fez a finalização de carrinho, mas Jefferson fez a defesa. O Atlético-GO estava criando sua primeira oportunidade aos oito, mas o lance parou por causa de um impedimento.

Os mandantes acertaram o travessão aos dez. Kevin recuperou a bola no campo de ataque e cruzou após ir à linha de fundo. Bruno Mendes arrematou de chapa e a bola quicou antes de bater no travessão. Cinco minutos depois, em cobrança de falta de Pará, o atacante cabeceou e voltou a assustar o goleiro adversário.

A equipe de Campinas seguia no ataque e voltou a levantar a torcida aos 21. Pará mandou uma bomba de primeira e Jefferson espalmou. Na sobra, Bruno Xavier mandou na rede do lado de fora. Já aos 27, Bruno Mendes cabeceou na trave após cobrança de falta.

O gol finalmente saiu aos 36 minutos. Após a bola ser levantada na área. Bruno Xavier dominou e bateu no giro. Na sobre, Bruno Mendes apenas precisou empurrar a bola para o gol aberto.

No final da primeira etapa, os visitantes quase conseguiram empatar. João Paulo ganhou na velocidade do marcador e cruzou após entrar na área pela direita. Após ninguém do Dragão desviar, Kevin colocou para escanteio quase mandando contra sua própria meta.

A equipe da casa voltou bem para a segunda etapa e ampliou o placar rapidamente. Com menos de um minuto, Ricardinho acertou a trave em chute de fora da área. Aos dois, Fabrício mandou uma bomba na cobrança de falta, a bola passou no meio da barreira e entrou na meta defendida por Jefferson.

A situação ficou ainda mais difícil para o Atlético-GO aos cinco minutos. Jefferson Nem sofreu falta na entrada da área e o juiz marcou pênalti. Com a ajuda do bandeirinha, o lance foi revertido para falta fora da área e Pedro Bambu foi expulso. Na cobrança da falta, Rondinelly tirou tinta do travessão.

A resposta do time goiano veio aos oito. Bruno Santos conseguiu arrancar pela esquerda e finalizar rasteiro. Agenor foi bem no lance e fez a defesa.Já aos 17, Júlio César dominou na entrada da área e arrematou muito alto.

O Bugre voltou a carimbar a trave adversária aos 19. Após cobrança de escanteio de Rondinelly, Fabrício cabeceou e acertou o poste. Aos 22, Bruno Mendes recebeu livre e bateu no canto, parando em Jefferson. Dois minutos depois, Bruno Xavier arriscou de longe e o arqueiro adversário voltou a trabalhar.

Depois de um período mais morno, o Dragão foi ao ataque aos 39. Júlio César aproveitou o espaço e finalizou. Agenor foi bem no lance e espalmou para fora.

FICHA TÉCNICA
GUARANI 2 x 0 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP)
Data: 21 de agosto de 2018, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade (ES)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Vanderson Antonio Zanotti (ES)
Público: 3.233 pessoas
Renda: R$ 39.215,00
Cartão amarelo: Júnior Brandão (Atlético-GO)
Cartão vermelho: Pedro Bambu (Atlético-GO)
GOLS: GUARANI: Bruno Mendes, aos 36 do primeiro tempo, e Fabrício, aos dois da segunda etapa

GUARANI: Agenor; Kevin, Philipe Maia, Fabrício e Pará (Ferreira); Ricaridinho, Fabrício Bigode, Jefferson Nem (Erik), Rondinelly e Bruno Xavier (Rafael Longuine); Bruno Mendes
Técnico: Umberto Louzer

ATLÉTICO-GO: Jefferson; Jonathan, Gilvan, Oliveira e Bruno Santos; Pedro Bambu, Rômulo e João Paulo (André Luis); Júlio César, Júnior Brandão (Alisson) e Renato Kayser (Fernandes)
Técnico: Cláudio Tencati