Brasileiro Série B

Estádio do Café | 24/07/2018

Futebol/Campeonato Brasileiro Série B

Dagoberto brilha, Londrina bate Oeste e volta a vencer após quatro jogos

São Paulo , SP
24/07/2018 21:11:00

Em: Brasileiro Série B, Londrina, Notícias, Oeste

Depois de quatro rodadas, o Londrina voltou a vencer no Campeonato Brasileiro da Série B. Jogando em casa, no Estádio do Café, pela 17ª rodada, a equipe de Sérgio Soares contou com boa atuação do experiente Dagoberto, autor de dois gols, para vencer o Oeste por 3 a 0. Leandro Amaro (contra) completou o placar.

A atuação de gala firma o bom começo do ex-jogador de São Paulo e Internacional com a camisa do Londrina. Artilheiro da equipe na competição, o atacante já soma quatro tentos em apenas três jogos, sendo que o duelo desta noite foi o primeiro como titular.

Com o resultado, o Tubarão assume provisoriamente a 13ª colocação, com 20 pontos. Já o Rubrão perde a chance de colar no G4, estaciona nos 22 pontos e ocupa momentaneamente a 11ª posição.

Na rodada seguinte, o Tubarão viaja para Maceió, onde enfrenta o CRB no Estádio Rei Pelé, às 16h30 (de Brasília) deste sábado. Na mesma data e horário, o Oeste busca recuperação diante do Goiás, no Olímpico.

Com gol de Dagoberto, Londrina voltou a vencer na Série B (Foto: Gustavo Oliveira/Londrina)

Londrina abre vantagem

Logo no primeiro minuto de jogo, Guilhermo Romão tocou com a mão na bola ao tentar o domínio e o juiz sinalizou o pênalti para o Londrina. Na cobrança, Dagoberto bateu rasteiro no cantinho e Tadeu se esticou todo, mas não conseguiu fazer a defesa: 1 a 0 para o Tubarão.

Com o gol precoce, o Tubarão recuou a marcação e se postava atrás da linha da bola, buscando sair em rápidos contra-ataques. No entanto, pecava na construção da transição. O Oeste, por sua vez, tentava criar pelos lados do campo, mas a forte marcação do rival dificultava a equipe de Roberto Cavalo.

Nos últimos 15 minutos da etapa inicial, as equipes conseguiram finalizar suas jogadas em arremates. Pelo Rubrão, Mazinho recebeu bela enfiada de bola, dominou e, já dentro da área, parou no goleiro Vagner. O troco dos mandantes veio na sequência, quando Dagoberto puxou contragolpe e tocou para Fernando, que bateu cruzado, no entanto, o Joilson conseguiu desviar a bola.

Se os ataques erravam nas finalizações, o zagueiro Leandro Amaro tratou de mandar para as redes, mas contra o próprio patrimônio. Após cruzamento despretensioso do lado esquerdo, o defensor foi cortar, pegou errado na bola e mandou para o próprio o gol.

Dagoberto mata a partida e coroa grande atuação

Após um fraco primeiro tempo, Guilherme Romão deu lugar ao atacante Henrique. Com a substituição, o Oeste ganhou em presença ofensiva e instaurou uma verdadeira pressão. Antes dos 10 minutos, Mazinho, Carlinhos, o próprio Henrique e Danielzinho já haviam perdidos oportunidades claras de gol.

Para combater o ímpeto ofensivo do adversário, Sérgio Soares sacou o atacante Jô e colocou o volante Diego Lorenzi. A mudança surtiu efeito e o rival teve dificuldades para seguir construindo boas jogadas.

Se o Oeste cansou de perder chances, o Tubarão foi cirúrgico. Em cobrança de falta ensaiada, Dagoberto acertou um belo chute e marcou o terceiro tento dos mandantes e o segundo na partida, coroando uma grande atuação e o bom começo de trajetória na equipe.

Na segunda metade da etapa final, o Rubrão, abatido, pouco fez para ao menos abrir o marcador em seu favor. Com isso, vitória contundente do Londrina, que encerrou um jejum de quatro partidas sem triunfo.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA 3×0 OESTE

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data: 24 de julho de 2018, terça-feira
Horário: 19h15 (horário de Brasília)
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO)
Assistentes: Leone Carvalho Rocha (GO) e Edson Antônio de Sousa (GO)
Público total: 1.865 pessoas
Renda: R$ 19.828,00
Cartões amarelos: Guilherme Romão e Bonilha (Oeste). Jô, Paulinho Moccelin e Diego Lorenzi (Londrina)
Gols:
LONDRINA: Dagoberto aos dois minutos do 1°T e as 18 do 2ºT, e Leandro Amaro (contra) aos 40 minutos do 1°T.

LONDRINA: Vagner; Lucas Ramon, Dirceu, Lucas Costa e Fernando; João Paulo e Germano; Paulinho Moccelin (Felipe Marques), Dagoberto, Thiago Ribeiro (Paulo Henrique) e Jô (Diego Lorenzi)
Técnico: Sérgio Soares

OESTE: Tadeu; Adriano Alves, Joilson, Leandro Amaro e Guilherme Romão (Henrique); Lídio (Raphael Luz), Rodrigo Souza e Bonilha; Mazinho (Léo Ceará), Carlinhos e Danielzinho
Técnico: Roberto Cavalo