Brasileiro Série B

Rei Pelé | 12/10/2018

Futebol/Brasileiro Série B

CSA recebe a Ponte Preta querendo encaminhar a vaga

São Paulo , SP
12/10/2018 08:16:22

Em: Brasileiro Série B, CSA, Futebol, Ponte Preta
Caso consiga vencer, o CSA vai deixar a vaga na Série A cada vez mais encaminhada (Foto: Thiago Parmalat/Divulgação)

Nesta sexta-feira, o CSA joga mais uma decisão na Série B do Campeonato Brasileiro. No estádio Rei Pelé, em Alagoas às 21h30 (horário de Brasília), a equipe receberá a Ponte Preta, pela 31ª rodada da competição. A Macaca, por sua vez, quer a segunda vitória consecutiva, e ainda sonha com o milagre de conseguir o acesso.

Em terceiro lugar com 50 pontos, o time alagoano tem cinco pontos de vantagem em relação ao Guarani, quinto colocado. Dessa forma, caso consiga a vitória, a vaga na elite do futebol nacional ficará bem próxima.

Para isso, o técnico Marcelo Cabo não deve surpreender na escalação, e repetir a formação que bateu o Paysandu pelo placar de 1 a 0. A grande dúvida está no meio de campo, pois Didira não gosta muito de jogar como segundo volante, e Juan rende melhor quando atua pelo lado esquerdo. No ataque, Neto Berola deve atuar ao lado de Rubens.

Sem qualquer problema no setor defensivo, o treinador também manterá os jogadores que atuam com maior frequência. A provável escalação do CSA terá: Lucas Frigeri; Celsinho, Matheus Lopes, Leandro Souza e Rafinha; Yuri, Didira, Juan e Daniel Costa; Neto Berola e Rubens.

O lateral esquerdo Rafinha, fez elogios a Marcelo Cabo, ressaltando a confiança que o comandante transmite para a equipe, e o tanto que trata bem o elenco, sem diferenciar de jogador para jogador.

“Marcelo passa muita confiança para todo mundo, procura trabalhar todo mundo da mesma maneira. Trata todo mundo igual. Procuramos retribuir tudo isso dentro de campo, dando o melhor, para que as coisas aconteçam e, graças a Deus, vem acontecendo”, afirmou o atleta.

Veja também: João Vitor destaca determinação da Ponte Preta para bater o CSA

Enquanto isso, a Ponte, agora sob o comando de Gilson Kleina quer continuar a somar pontos, para quem sabe, ainda figurar entre os quatro primeiros da Série B. O time tentará a segunda vitória consecutiva, curiosamente sobre outro alagoano, pois no último sábado, conseguiu bater o CRB, por 1 a 0, na reestreia do técnico.

No entanto, o comandante vive um dilema para enfrentar o CSA. Ao mesmo tempo em que pensa em ter precaução na defesa, não quer deixar de atacar o adversário quando possível. Assim, a dúvida é se a escalação será repetida ou se o clube campineiro irá atuar em Maceió com três atacantes.

“Isso que ainda vamos trabalhar em Maceió: se a gente mantém o sistema com dois meias, até para ver qual a nossa característica fora de casa, ou vai com três atacantes. Ainda vamos estudar mais o adversário. Eu preciso saber qual nossa postura fora de casa. Precisamos do resultado, e para isso precisamos ter equilíbrio, consistência. Não quero abdicar do jogo”, disse Kleina.

Assim como o rival, a Macaca não tem nenhum desfalque para o confronto. A dúvida é realmente qual estilo de jogo, o time adotará. Assim, a escalação deve ter: Ivan; Igor, Renan Fonseca, Reginaldo e Danilo Barcelos; João Vitor, Lucas Mineiro, Matheus Vargas e Tiago Real (Roberto ou Júnior Santos); André Luis e Hyuri.

FICHA TÉCNICA
CSA X PONTE PRETA

Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)
Data: 12 de outubro de 2018
Horário: 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR)
Assistentes: Luciano Roggenbaum e João Fabio Machado Brischilari, ambos do PR

CSA: Lucas Frigeri; Celsinho, Matheus Lopes, Leandro Souza e Rafinha; Yuri, Didira, Juan e Daniel Costa; Neto Berola e Rubens.
Técnico: Marcelo Cabo

PONTE PRETA: Ivan; Igor, Renan Fonseca, Reginaldo e Danilo Barcelos; João Vitor, Lucas Mineiro, Matheus Vargas e Tiago Real (Roberto ou Júnior Santos); André Luis e Hyuri.
Técnico: Gilson Kleina