Brasileiro Série B

Estádio Heriberto Hulse | 09/06/2018

Campeonato Brasileiro Série B

Criciúma e Boa Esporte ficam no empate por 1 a 1

São Paulo , SP
09/06/2018 18:25:07

Em: Boa Esporte, Brasileiro Série B, Criciúma

Jogando em casa, no Heriberto Hulse, o Criciúma ficou no empate com o Boa Esporte. A partida válida pela décima rodada do Campeonato Brasileiro Série B, que foi realizada neste sábado, terminou em 1 a 1. Fábio Ferreira abriu o placar para os mandantes. Douglas Baggio foi o responsável por deixar o placar igual.

Com o resultado, a equipe de Santa Catarina chega a oito pontos e termina a rodada como a primeira equipe dentro da zona de rebaixamento. Já os comandados de Daniel Paulista vão a seis pontos e seguem na última colocação da segunda divisão.

Na próxima rodada, o Tigre irá visitar o Oeste, no sábado, dia 16 de julho, às 19 horas (de Brasília), na Arena Barueri. Por sua vez, o time mineiro receberá o Avaí, na sexta-feira, dia 15 de julho, às 20h30, no Estádio Municipal de Varginha.

 O jogo

O Criciúma começou a partida um pouco melhor e conseguiu abrir o placar aos nove minutos. Elvis levantou a bola na área em cobrança de falta, Zé Carlos faz o desvio na segunda trave mandando ela para o meio da área e Fábio Ferreira chegou para completar e balançar as redes adversárias.

A vantagem da equipe da casa não durou muito porque Douglas Baggio deixou tudo igual aos 15 minutos. O camisa 9 do Boa Esporte recebe a bola na intermediária, bateu cruzado e saiu para o abraço.

Enquanto o Tigre encontrava dificuldades para furar a marcação adversária, a equipe mineira conseguia criar algumas oportunidades. Aos 30, Lucas Taylor ajeitou a bola e finalizou de direita, assustando Luiz. Três minutos depois, o lateral-direito saiu da marcação e finalizou bem, mandando a bola perto da meta adversária.

No final da primeira etapa, os jogadores do Criciúma pediram pênalti após cobrança de falta, no entanto o juiz mandou o jogo seguir antes de apitar o fim da primeira etapa.

Aos 11 minutos da segunda etapa, depois de cruzamento, João Paulo aproveitou a sobra e marcou o gol, entretanto o juiz sinalizou falta do atacante do Criciúma, que colocou a mão na bola.

A resposta do Boa Esporte saiu aos 23 minutos em um contra-ataque, que assustou a defesa adversária. Três minutos depois, com o Tigre tentando pressionar, a bola ficou viva no bate e rebate e Fabrício conseguiu ficar com a bola.

Aos 33 minutos, na primeira chance de Andrew – que entrou no lugar de João Paulo -, o atacante ia saindo cara a cara com o goleiro, mas Artur Jesus chegou na bola, impedindo o arremate e fazendo a torcida pedir o pênalti.

O final da partida foi de muita tensão, com algumas jogadas um pouco mais fortes e os dois times buscando o resultado, mas não encontrando muitas oportunidades claras. Uma das poucas chances foi aos 47, quando Alex Maranhão cobrou falta perto da meta defendida por Fabrício.

FICHA TÉCNICA
CRICIÚMA 1 X 1 BOA ESPORTE

Local: Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma (SC)
Data: 9 de junho de 2018 (sábado)
Horário: 16h30 (Brasília)
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Rogerio Pablos Zanardo (SP)
Público: 4.058
Renda: R$ 73.020
Cartões amarelos: Sueliton, Jean Mangabeira e Marlon (Criciúma) Caíque, Artur Jesus, Igor e Lucas Taylor (Boa Esporte)
Cartão vermelho: não teve
GOLS: CRICIÚMA: Fábio Ferreira, aos 9 do primeiro tempo BOA ESPORTE: Douglas Baggio, aos 16 da primeira etapa

CRICIÚMA: Luiz; Sueliton, Nino, Fábio Ferreira e Marlon; Jean Mangabeira, Ralph (Vitor Feijão), Elvis e Luiz Fernando (Alex Maranhão); João Paulo (Andrew) e Zé Carlos
Técnico: Mazola Júnior

BOA ESPORTE: Fabrício; Lucas Taylor, Artur Jesus, Caíque, Elivélton; Amaral, Djavan, Leandro Canhoto (Bruno Tubarão), Alyson, William Barbio (Igor); Douglas Baggio
Técnico: Daniel Paulista