Futebol/Brasileiro Série B

Coxa tropeça em casa e fica no empate diante do São Bento

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes - Curitiba , PR
21/07/2018 18:27:27

Em: Brasileiro Série B, Coritiba, Futebol, Notícias, São Bento
Alviverde foi pressionado na segunda etapa (Divulgação/CFC)

O Coritiba voltou a tropeçar em casa na Série B do Campeonato Brasileiro ao empatar com o São Bento por 2 a 2, no Estádio Couto Pereira. Com o resultado, o Alviverde se afastou dos líderes, chegando aos 24 pontos, na nona colocação. Já o time sorocabano, com 18 pontos, na 14ª colocação, se afastou da zona de rebaixamento.

O Coxa abriu a contagem aos dois minutos da primeira etapa, com um belo gol de Yan Sasse, de calcanhar. O goleiro Wilson, cobrando pênalti, ampliou aos 31 minutos em cobrança de penalidade. Aos 35 minutos, Ricardo Bueno descontou. Depois do intervalo, novamente Ricardo Bueno decretou a igualdade.

Na próxima rodada, o Coritiba enfrenta o Goiás, terça-feira, no Estádio olímpico Pedro Ludovico. Já o São Bento encara o Sampaio Corrêa, no mesmo dia, no Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba.

O jogo – O Coxa precisou de apenas dois minutos para abrir o placar, com Yan Sasse aproveitando cruzamento de Jonatas Belusso para tocar de calcanhar para a rede e fazer um golaço. O time paulista tentou responder aos seis minutos, em cruzamento na medida para Dudu Vieira, que fez falta de ataque no momento de arrematar. O Alviverde dominava as ações, mas errava no último passe.

O time sorocabano aos poucos chegava mais ao ataque, empurrando o Coxa para trás. Aos 17 minutos, Cléo Silva fez o cruzamento e a defesa alviverde chegou antes de Ricardo Bueno para salvar. Mais São Bento no ataque, aos 22 minutos, com Anderson Salles cruzando para a saída de Wilson. Mas, aos 31 minutos, pênalti para o Coritiba. Na cobrança, Wilson converteu.

O Bentão reagiu, aos 36 minutos, aproveitado falha na saída de bola de Willian Matheus e levantamento na medida para Ricardo Bueno desviar e descontar. Polêmica aos 42 minutos, com Cléo Silva passando por Wilson e marcando o gol. O árbitro anulou o lance anotando impedimento.

Para a segunda etapa, as equipes retornaram sem alterações. Aos quatro minutos, mais uma grande chance perdida pela equipe coxa-branca. Guilherme Parede partiu para a jogada individual e cruzou rasteiro. Yan Sasse se jogou na bola, mas não conseguiu alcançar. Aos 12 minutos, Branquinho fez o levantamento fechado e ninguém apareceu na área para completar.

O São Bento mostrava força e acreditava no empate e, aos 22 minutos, Diogo Oliveira fez o lançamento para Paulinho, que entrou em diagonal para bater cruzado e obrigar Wilson a fazer grande defesa. O jogo era aberto e, aos 27 minutos, Alisson Farias recebeu na entrada da área, tirou o primeiro defensor, mas ficou sem a bola. Prejuízo para o Coritiba, aos 30 minutos, com Uillian Correia recebendo o segundo cartão amarelo e sendo expulso.

Mesmo com um a menos, o Coritiba tentou chegar ao terceiro gol. Aos 35 minutos, Julio Rusch arriscou de longe e a bola passou com perigo. Mas, aos 38 minutos, a bola sobrou sem ângulo para Ricardo Bueno, que acertou uma bomba para balançar a rede e deixar tudo igual. Aos 46 minutos, Paulinho teve a chance de marcar, de frente para o gol, e mandou para fora.

CORITIBA 2 X 2 SÃO BENTO

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 21 de Julho de 2018, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Assistentes: Marcio Eustaquio Sousa Santiago (MG) e Luiz Antonio Barbosa (MG)
Cartões amarelos : Thalisson Kelven, Uilian Correia (Coritiba); Branquinho (São Bento)
Cartão vermelho: Uillian Correia (Coritiba)

Gols
CORITIBA: Yan Sasse, aos 02 minutos e Wilson, aos 31 minutos do primeiro tempo
SÃO BENTO: Ricardo Bueno, aos 35 minutos do primeiro tempo aos 38 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Wilson; Leandro Silva, Thalisson Kelven, Rafael Lima, William Matheus; Vitor Carvalho (Wellington Simião), Uillian Correia, Yan Sasse (Kady); Alisson Farias, Guilherme Parede e Belusso (Julio Rusch)
Técnico: Eduardo Baptista

SÃO BENTO: Rodrigo Viana; Tony (Ronaldo), Ewerton Paascoa, Anderson Salles e Paulinho; Doriva; Fábio Bahia, Cléo Silva, Dudu Vieira (Lucas Farias)e Branquinho (Diogo Oliveira); Ricardo Bueno
Técnico: Marquinhos Santos