Brasileiro Série B

Estádio do Café | 17/08/2018

Futebol/Campeonato Brasileiro Série B

Com gols de veteranos, Londrina vence o Paysandu e deixa o Z4

São Paulo , SP
17/08/2018 21:11:41 — 17/08/2018 21:22:06

Em: Brasileiro Série B, Londrina, Notícias, Paysandu

O Londrina não está mais na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta sexta-feira, a equipe de Roberto Fonseca aproveitou os contra-ataques e a noite inspirada de seus veteranos para derrotar o Paysandu em casa, no Estádio do Café, por 2 a 1, em partida válida pela 21ª rodada da competição.

Jogando com uma linha de três zagueiros, o Paysandu ofereceu os contragolpes aos mandantes, que souberam se aproveitar disso para marcar os dois tentos. O experiente Thiago Ribeiro abriu o placar, mas Renato Augusto empatou ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, Dagoberto marcou seu sexto gol em sete partidas na Série B e deu a vitória aos mandantes.

Com o resultado, o Tubarão chega aos 24 pontos, assume a 15ª colocação e empurra o Brasil de Pelotas para o zona de rebaixamento. O Papão da Curuzu, por sua vez, soma a terceira derrota consecutiva e estaciona nos mesmos 24 pontos do adversário desta sexta, mas ocupa a 16ª posição nos critérios de desempate.

O Londrina volta aos gramados pela competição na próxima terça-feira, quando encara a Ponte Preta, novamente no Estádio do Café. No mesmo dia e horário, o Paysandu joga no Rio Grande Sul, onde enfrenta o Brasil de Pelotas no Estádio Bento de Freitas.

Momento exato do gol de Thiago Ribeiro (Foto: Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube)

Tubarão abre o placar, mas Paysandu empata ainda na primeira etapa

O Paysandu entrou com um proposta de jogo ousada no Estádio do Café. Com três zagueiros, a equipe de Guilherme Alves adiantava a linha defensiva e atuava na maior parte do tempo no campo de ataque, mas a falta de qualidade na troca de passes atrapalhava qualquer tentativa de construir jogadas trabalhadas.

Assustado com a postura ousada do visitante, o Londrina se mostrou um pouco perdido no início da partida, no entanto, com o decorrer do tempo, o time de Roberto Fonseca tomou o controle do duelo. Diferente do rival, o ataque do Tubarão não efetuava muitos passes antes dos arremates.

Na batalha de propostas táticas, o Londrina levou a melhor, muito pela individualidade de Thiago Ribeiro. Após lançamento de Jardel do campo de defesa, o camisa 9 ex-Santos tirou a marcação com um toque de cabeça, entrou na área e bateu chapado sem chances de defesa para Renan Rocha.

À princípio, o Paysandu acusou o gol, mas Renato Augusto tratou de renovar os ânimos do time ao fazer boa jogada. No entanto, o meio-campista não esperava a rápida ação Matheuzinho, que salvou o arremate em cima da linha. Insistente, o camisa 5 alviceleste foi recompensando. Fugindo dos ataques trabalhados, Guilherme Santos cobrou lateral na área, Pedro Carmona brigou pela bola e sobra ficou com Renato Augusto, que bateu no cantinho para empatar.

Dagoberto marca e dá vitória ao Londrina

Dagoberto marcou o gol da vitória do Londrina (Foto: Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube)

O Paysandu não mudou a estratégia na volta do intervalo. Bom para o Londrina, que adaptado a tática rival não tardou em retomar a liderança do placar. Aproveitando a zaga adiantada do adversário, Dagoberto foi lançado, trouxe da esquerda em direção ao centro e acertou um chutaço de média distância, estufando as redes do goleiro Vagner.

Minutos depois de tomar o segundo gol, Guilherme Alves resolveu sacar o zagueiro Guilherme Teixeira para a entrada do atacante Claudinho, abrindo mão do sistema com três zagueiros. Ao mesmo tempo, Thiago Ribeiro precisou deixar a partida com dores para a entrada de Alisson Safira.

Além de sentir o tento sofrido, o Papão da Curuzu ficou completamente aberto com a substituição feita. Diante desse cenário, Higor Leite, duas vezes, e Dagoberto desperdiçaram boas oportunidades de ampliar a vantagem dos mandantes. O volante Jardel até marcou, mas o bandeirinha assinalou impedimento e o árbitro anulou o gol.

Bagunçado em campo, o Paysandu não mostrou força ofensiva para sequer assustar o goleiro Vagner nos minutos finais. O Londrina, por sua vez, abdicou do ataque e apenas administrou a vitória, que tirou a equipe do zona de rebaixamento da Série B.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA 2×1 PAYSANDU

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data: 17 de agosto de 2018, sexta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Assistentes: Herman Brumel Vani (SP) e Vitor Carmona Metestaine (SP)
Público total: 1.106 pessoas
Renda: R$ 13.266,00
Cartões Amarelos: Luizão, Dagoberto, Thiago Ribeiro, Alisson Safira e Paulinho Moccelin (Londrina). Renato Augusto (Paysandu)
Gols
LONDRINA:
Thiago Ribeiro aos 27 minutos do 1°T e Dagoberto aos sete minutos do 2°T.
PAYSANDU: Renato Augusto aos 44 minutos do 1°T.

LONDRINA: Vagner; Matheuzinho (Moisés Gaúcho), Luizão, Lucas Costa e Sávio (Victor Luiz); João Paulo, Jardel, João Paulo e Higor Leite; Dagoberto, Paulinho Moccelin e Thiago Ribeiro (Alisson Safira)
Técnico: Roberto Fonseca

PAYSANDU: Renan Rocha; Guilherme Teixeira (Claudinho), Perema (Hugo Almeida) e Fernando Timbó (Edimar); Maicon Silva, Renato Augusto, Nando Carandina e Guilherme Santos; Thomaz, Pedro Carmona e Mike
Técnico: Guilherme Alves