Veja as mudanças de técnico nos times das Séries A e B do Brasileirão 2022

São Paulo, SP

18-05-2022 12:16:47

As mudanças de técnico começaram em ritmo acelerado entre os participantes das Séries A e B do Brasileirão. Apenas na primeira rodada do torneio da primeira divisão, dois treinadores já foram demitidos, no Athletico-PR e no América-MG. Curiosamente, os dois times vieram de desempenhos sólidos no ano passado, mas não vinham bem na atual temporada.

Confira as mudanças de técnico das equipes das Séries A e B do Brasileirão

Alberto Valentim (deixa o Athletico-PR na primeira rodada)

Foto: José Tramiontin/athletico.com.br

O comandante não resistiu à derrota da estreia por 4 a 0 para o São Paulo no Morumbi. O Athletico-PR já vinha de altos e baixos, portanto optou pela mudança de técnico no início do Brasileirão. Perdeu a Recopa para o Palmeiras, foi eliminado no Paranaense pelo Coritiba e teve uma estreia ruim contra o Caracas na Libertadores.

Marquinhos Santos (deixa o América-MG na primeira rodada)

(Foto: Divulgação/América-MG)

O Coelho perdeu para o Avaí no primeiro jogo do Brasileirão 2022 e a diretoria optou pela mudança. O clube conseguiu avançar à fase de grupos da Libertadores, mas não teve bom desempenho no Estadual.

Felipe Conceição (deixa o Náutico na primeira rodada)

(Foto: Tiago Caldas/ Náutico)

O técnico Felipe Conceição foi demitido do Náutico após a derrota para o Londrina por 2 a 0, na estreia da Série B.

Vágner Mancini (assume o América-MG com a saída de Valentim)


Assume o comando do América-MG no lugar de Marquinhos Santos. O técnico, em 2021, passou pelo clube e iniciou a arrancada do time rumo à vaga na Libertadores. Antes do final do Brasileirão, deixou o Coelho para tentar tirar o Grêmio do rebaixamento, missão em que não obteve sucesso.

Fábio Carille (assume o Athletico-PR)

(Imagem: Reprodução)

Ex-técnico de Corinthians e Santos terá o desafio de trabalhar no Furacão. Carille assinou contrato com o atual campeão da Copa Sul-Americana até o final de 2023.

Jair Ventura (assume o Goiás antes da segunda rodada)

Foto: Divulgação

O treinador é a opção para o clube que vinha com uma comissão técnica formada por funcionários fixos. Glauber Ramos vinha no comando da equipe, mas a derrota na final do Campeonato Goiano e o revés por 3 a 0 para o Coritiba na abertura do Brasileirão pesaram em favor da mudança.

Alexander Medina (deixa o Internacional antes da segunda rodada)

Foto: Divulgação/Internacional

Internacional comunicou o desligamento do técnico Alexander Medina após empate na Copa Sul-Americana. Além do uruguaio, os auxiliares Fernando Machado e Jadson Vieira, os preparadores físicos Alexis Olariaga e Richard González, e o analista de desempenho Mariano Levisman também deixaram o clube.

Roberto Fernandes (assume o Náutico antes da terceira rodada)

(Foto: Divulgação/Náutico)

Poucos dias após a demissão de Felipe Conceição, o Náutico anunciou a contratação do treinador Roberto Fernandes, que assume a equipe antes da terceira rodada da Série B.

Mano Menezes (assume o Inter antes da terceira rodada)

(Imagem: Reprodução)

Treinador chega ao Colorado com a missão de superar o péssimo início da temporada 2022.

Abel Braga (deixa o Fluminense antes da quarta rodada)

FOTO DE MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

Experiente treinador não resistiu à sequência de tropeços no Campeonato Brasileiro e Copa Sul-Americana.

Fábio Carille (deixa o Athletico-PR antes da quinta rodada)

Foto: Jorge Bernal/AFP

Em menos de um mês no cargo, o técnico Fábio Carille foi demitido do Athletico-PR após sofrer uma goleada por 5 a 0 para o The Strongest, pela Libertadores. O treinador comandou o Furacão em sete jogos, sendo que venceu três e perdeu quatro. Os auxiliares Leandro da Silva e Denis Faria Luup e o Diretor de Futebol Fernando Yamada também foram demitidos.

Felipão (assume o Athletico antes da quinta rodada)

Foto: Reprodução/Athletico-PR

O Athletico-PR anunciou a chegada de Luiz Felipe Scolari, o Felipão, na mesma data em que comunicou o desligamento do técnico Fábio Carille.

Daniel Paulista (deixa o Guarani antes da sexta rodada)

Daniel Paulista assume o CRB após demissão de Marcelo Cabo
Foto: Reprodução

Em decisão tomada em comum acordo, Daniel Paulista deixou o comando técnico do Guarani após empate com o Náutico, pela Série B.

Pintado (deixa o Cuiabá antes da sexta rodada)

(Foto: AssCom Dourado)

O técnico Pintado não resistiu à eliminação na Copa do Brasil para o Atlético-GO e foi demitido do Cuiabá. Com a saída do treinador, o time será comandado de forma interina pelo auxiliar-fixo Luiz Fernando Iubel até a contratação de um sucessor.

Hemerson Maria (deixa o Tombense antes da sétima rodada)

Foto: Divulgação/Tombense

O técnico Hemerson Maria foi demitido do Tombense após a eliminação na Copa do Brasil para o Ceará.

Bruno Pivetti (Assume o Tombense antes da sétima rodada)

Foto: Divulgação/Tombense

Um dia após a demissão de Hemerson Maria, Bruno Pivetti foi contratado como novo técnico do Tombense e faz sua estreia diante do Guarani, pela sétima rodada da Série B.

Marcelo Cabo (deixa o CRB na sétima rodada)

Após derrota para o Criciúma, Marcelo Cabo se demite do CRB
Foto: Divulgação/Douglas Araujo

Após a derrota para o Criciúma por 3 a 0, fora de casa, pela sétima rodada da Série B, o técnico Marcelo Cabo se demitiu do CRB. O clube informou que já está em busca de um novo comandante.

Daniel Paulista (assume o CRB Após a sétima rodada)

Foto: Divulgação

atlétic

Após deixar o Guarani, o técnico Daniel Paulista foi anunciado pelo CRB. Seu antecessor, Marcelo Cabo, se demitiu logo após a derrota para o Criciúma.

Umberto Louzer (deixa o Atlético-GO após a sexta rodada)

Foto: Divulgação/ Atlético-GO

Umberto Louzer deixou o cargo de treinador do Atlético-GO após a derrota para o Atlético-MG, por 2 a 0, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe ainda não venceu neste Brasileirão, tendo três empates e três derrotas em seis jogos. No total, foram 22 partidas sob o comando do clube goiano, somando dez vitórias, oito empates e quatro reveses.

Jorginho (assume o Atlético-GO antes da sétima rodada)

Foto: Divulgação/Bruno Corsino/ACG

Para suprir a saída de Umberto Louzer, o Atlético-GO anunciou a contratação do técnico Jorginho, que firmou contrato válido até o fim de 2022.

Chamusca (assume o Guarani antes da oitava rodada)

Foto: Tiago Caldas/Náutico

O Guarani anunciou o retorno do técnico Marcelo Chamusca. Em sua primeira passagem pelo Bugre, em 2016, o comandante conquistou o acesso à Série B.

Deixe seu comentário