Brasileiro Série A

Vila Belmiro | 14/10/2020 - 20:30

Sob olhares de Robinho, Santos perde invencibilidade para o Atlético-GO

Lucas Musetti Perazolli - Santos , SP
14/10/2020 22:24:14

Em: Atlético-GO, Brasileiro Série A, Futebol, Gazeta Press, Notícias, Santos

O Santos perdeu por 1 a 0 para o Atlético-GO na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol da vitória dos visitantes foi marcado por Chico, no segundo tempo.

O Peixe perdeu também uma invencibilidade de 12 partidas. O Dragão, do técnico interino Eduardo Souza, vence a primeira depois da saída de Vagner Mancini para o Corinthians. O Alvinegro segue em sexto. O Atlético sobe para 10º.

Sob os olhares de Robinho, à espera da liberação do Conselho Deliberativo, o Santos pouco criou. A equipe sentiu as ausências de Jobson (suspenso), Marinho (desconforto muscular na coxa esquerda) e Soteldo (na seleção da Venezuela).

O Peixe voltará a campo para enfrentar o Coritiba, sábado, no Couto Pereira. O Dragão receberá o Athletico, no mesmo dia. Ambas os jogos válidos pela 17ª rodada do Brasileirão.

O JOGO

Os primeiros 48 minutos foram de pouquíssima emoção. O Santos até ensaiou uma pressão nos minutos iniciais, mas parou na boa marcação do Atlético-GO.

O Peixe só assustou em finalizações de fora da área e cruzamentos. Na defesa, foi pouco exigido e o goleiro João Paulo praticamente não trabalhou.

A opção do técnico Cuca pelo lateral-direito Pará no meio-campo não se mostrou eficaz. E o Alvinegro sentiu a falta de Lucas Veríssimo e Marinho, fora por problemas musculares, e Soteldo, na seleção venezuelana.

Robinho está presente na Vila Belmiro (Foto: Lucas Musetti/Gazeta Esportiva)

SEGUNDO TEMPO

A partida continuou morna, mesmo com as substituições de Cuca, e foi o Atlético-GO quem criou a primeira chance clara do jogo na Vila Belmiro.

Aos 18 minutos, o Dragão puxou contra-ataque com Chico, Nicolas cruzou e Matheus Vargas, sem goleiro, debaixo da trave, conseguiu chutar por cima.

No minuto 22, o Santos foi punido pela partida ruim em casa. Janderson fez fila e rolou para Chico. O meia chutou com categoria no ângulo do goleiro João Paulo. 1 a 0.

O Peixe foi ao ataque como deu, mas seguiu sem nenhuma criatividade. A única oportunidade veio com Marcos Leonardo, quase nos acréscimos. O Atlético-GO se defendeu bem, assustou em contra-ataques e garantiu a vitória.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 0 X 1 ATLÉTICO-GO

DATA: 14 de outubro de 2020 (quarta-feira)
HORÁRIO: 20h30 (de Brasília)
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Igor Junior Benevenuto de Oliveira (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo e Marcus Vinicius Gomes (MG)
VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)
Cartões amarelos: ATLÉTICO-GO: Marlon Freitas. SANTOS: Pará, Diego Pituca e Sandry.

GOL:
Atlético-GO: Chico, aos 22 minutos do 2T.

SANTOS: João Paulo, Madson, Laércio, Luan Peres e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Pará (Sandry) e Jean Mota (Lucas Lourenço); Lucas Braga (Tailson), Arthur Gomes (Marcos Leonardo) e Kaio Jorge (Anderson Ceará)
Técnico: Cuca

ATLÉTICO-GO: Jean, Dudu, João Victor, Éder e Nicolas; Willian Maranhão, Marlon Freitas e Chico (Natanael); Janderson (Junior Brandão), Gustavo Ferrareis (Matheus Vargas) e Zé Roberto (Hyuri)
Técnico: Eduardo Souza

Ads – Rodapé Posts




Posse de bola

68%
32%
Corinthians
Santos
999
Corinthians

Passe

999
Santos
999
Corinthians

Finalização

999
Santos
999
Corinthians

Cruzamento

999
Santos
999
Corinthians

Desarme

999
Santos

Faltas

24
COR
×
15
SAN

Impedimentos

24
COR
×
15
SAN

Cartões amarelos

24
COR
×
15
SAN

Cartões vermelhos

24
COR
×
15
SAN

Estatísticas de jogadores

Corinthians

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner

Santos

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
Estatísticas de jogadores