Brasileiro Série A

Independência | 13/06/2018

Por objetivo principal, Galo enfrenta o Ceará em casa

Do correspondente Marcellus Madureira - Belo Horizonte , MG
13/06/2018 09:12:10 — 13/06/2018 14:16:29

Em: Atlético-MG, Bastidores, Brasileiro Série A, Campeonatos, Ceará
Roger Guedes pode se despedir do Atlético no duelo contra o Ceará (Foto: Atlético)

O Atlético tinha um objetivo claro ao ser eliminado da Copa do Brasil e Sul-Americana: ficar entre os primeiros colocados no Campeonato Brasileiro. Para conseguir atingir sua meta, o Galo recebe o Ceará, na noite desta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Independência.

O Atlético está na segunda colocação do torneio nacional, com 20 pontos conquistados. Para alcançar o Flamengo, só após a Copa, pois o Rubro-Negro já somou seis pontos de distância.

Para o duelo contra o Ceará, o Galo perdeu o zagueiro Leonardo Silva. O experiente defensor sofreu uma lesão na coxa esquerda e só retorna ao time após a Copa do Mundo. Para a vaga, Bremer será a opção.

O duelo chama atenção por ser, possivelmente, o último jogo de Roger Guedes com a camisa do Atlético. O jogador tem ótimas propostas e as possibilidades salariais mexeram com o atleta, segundo apuração feita pela Gazeta Esportiva.

Ao Ceará resta o sonho de bater o vice-líder do Campeonato Brasileiro, em solo mineiro. Caso não consiga vencer o Galo, o clube vai parar para a Copa do Mundo sem vencer nenhum jogo pelo Brasileirão, com cinco empates e seis derrotas, a pior campanha disparada, entre os piores ataques, defesas, saldo de gols.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG X CEARÁ

Local: Arena Independência, Belo Horizonte (MG)
Data: 13 de junho de 2018 (Quarta-feira)
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

ATLÉTICO-MG: Victor, Patric, Bremer, Gabriel, Fábio Santos, Adilson, Gustavo Blanco, Tomás Andrade, Cazares, Roger Guedes e Ricardo Oliveira.
Técnico: Thiago Larghi.

CEARÁ: Éverson; Samuel Xavier, Rafael Pereira, Luiz Otávio e João Lucas; Naldo, Pio, Javier Reina e Ricardinho; Éder Luis e Felipe Azevedo
Técnico: Lisca.