Futebol/Campeonato Brasileiro

Flu só empata com o Atlético-GO, mas garante vaga na Sul-Americana

São Paulo , SP
03/12/2017 19:01:27 — 03/12/2017 19:03:22

Em: Atlético-GO, Brasileiro Série A, Fluminense

Em uma partida que pouco valia para ambas as equipes, o Fluminense, fora de casa, empatou com a equipe do Atlético Goianiense pelo placar de 1 a 1, pela última rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. A partida foi disputada na tarde deste domingo, no Estádio Olímpico, em Goiânia.

Os gols do confronto ficaram por conta de Wendel, para os visitantes, e Diego Rosa, em favor dos donos da casa.

Os comandados de Abel Braga, que precisavam de apenas um empate para garantir uma vaga na Copa Sul-Americana do ano que vem, conseguiram cumprir com sucesso o objetivo. Entretanto, outra meta traçada para a partida de despedida da temporada não foi alcançada: Henrique Dourado, que precisava de um gol para tornar-se artilheiro isolado da competição, não conseguiu chegar ao tento.

Pelo lado do Atlético-GO, o confronto serviu apenas de despedida da Série A. A equipe de João Paulo Sanches já tinha amargado o posto de lanterna da tabela, tendo como única meta na competição o encerramento da mesma de maneira digna.

Wendel (dir.) marcou o gol do Fluminense, que apesar de chegar à Sul-Americana, não conseguiu garantir a artilharia de Henrique Dourado (Foto: Nelson Perez/FFC)

O jogo – Os primeiros quinze minutos de partida foram de muito estudo por parte das duas equipes, tanto que o jogo só começou a ter lances de interesse a partir desta marca. No rebote de cobrança de falta, Jorginho foi lançado e chutou cruzado, pelo alto. Diego Cavalieri saltou para evitar o gol dos mandantes com as pontas dos dedos.

No lance seguinte, a equipe do Fluminense reclamou de um pênalti não assinalado por Anderson Daronco, já que, em finalização de Wendel, a bola bateu no braço de Ricardo Silva, dentro da área. A insatisfação tricolor não perdurou muito tempo, já que, logo depois, o próprio jogador balançou as redes.

Carregando pelo meio, Wendel não teve dificuldades em passar por todo o sistema defensivo do Dragão goiano. Com categoria, o volante bateu colocado, tirando de Kléver, inaugurando o marcador em favor dos visitantes.

A alegria carioca, entretanto, durou pouco tempo. Quatro minutos depois, Luiz Fernando cruzou da esquerda, e a bola sobrou para Andrigo, aproveitando falha do lateral Léo, que não conseguiu afastar. O meia só rolou para Diego Rosa, sem marcação e com o gol livre, empurrar para o fundo das redes.

Após os dois tentos, o ritmo do confronto diminuiu. A única chance contundente do restante da primeira etapa ficou por conta de Lucas, que chutou de longa distância, obrigando Kléver a fazer uma grande defesa.

Na segunda etapa, a qualidade técnica do duelo também caiu. Sem grandes jogadas ofensivas por parte dos dois times, com exceção de uma finalização perigosa de Matheus Alessandro, as equipes não conseguiam criar oportunidades de gol.

Até que, aos 26 minutos da etapa final, Henrique Dourado quase marcou o gol da vitória do Fluminense. Após cruzamento de Gustavo Scarpa, o postulante à artilharia do campeonato cabeceou no chão, firme, mas Kléver impediu o tento.

A resposta do Dragão veio logo depois. Depois de levantamento para a área de Luiz Fernando, destaque da equipe, Jorginho escorou de cabeça, obrigando Cavalieri a se esticar todo para espalmar para escanteio.

Na reta final da partida, o ritmo voltou a cair, muito devido ao clima quente na capital de Goiás. Dourado teve mais uma chance, no último minuto, em cobrança de falta, mas Alison tirou em cima da linha. Com isso, ao apito final de Anderson Daronco, Atlético-GO e Fluminense disputaram sua última partida no ano de 2017, finalizada em empate por 1 a 1.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO 1 X 1 FLUMINENSE

Local: Estádio Olímpico, em Goiânia (GO)
Data: 03 de dezembro de 2017, domingo
Horário: 17h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)

Cartões amarelos: Jorginho (Atlético-GO); Henrique Dourado, Lucas, Douglas e Romarinho (Fluminense)

Gols: Atlético-GO: Diego Rosa, aos 21 minutos do 1ºT. Fluminense: Wendel, aos 17 minutos do 1ºT.

ATLÉTICO-GO: Kléver; Jonathan, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva e Breno Lopes; André Castro, Igor (Marcão Silva), Andrigo, Jorginho e Luiz Fernando (Jefferson Nem); Diego Rosa (Alison)
Técnico: João Paulo Sanches

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Lucas, Renato Chaves, Henrique e Léo; Douglas, Wendel, Gustavo Scarpa, Júnior Sornoza (Romarinho) e Matheus Alessandro (Pedro); Henrique Dourado
Técnico: Abel Braga