Brasileiro Série A

Maracanã | 10/11/2019 - 18:0

Futebol/Campeonato Brasileiro

Flamengo vira sobre o Bahia e abre dez pontos de vantagem na liderança

São Paulo , SP
10/11/2019 19:58:47

Em: Bahia, Brasileiro Série A, Flamengo, Futebol, Notícias
Flamengo saiu atrás, mas buscou a virada contra o Bahia (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

O Flamengo está cada vez mais perto do título do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, o Rubro-Negro recebeu o Bahia no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela 32ª rodada, e conquistou a vitória de virada pelo placar de 3 a 1. Willian Arão, contra, abriu o marcador para os visitantes, mas Reinier, Bruno Henrique e Gabriel garantiram o triunfo dos donos da casa.

Com o resultado, os cariocas aproveitaram o empate do Palmeiras no Derby e abriram dez pontos de diferença na liderança da competição, somando 77. Os baianos, por sua vez, perderam a chance de se aproximar do G6 e ficaram na nona colocação com 43 pontos.

Pela próxima rodada, as duas equipes entram em campo no domingo (17), às 16h (de Brasília). O Flamengo encara o Grêmio na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS). Já o Bahia recebe o Palmeiras na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA). Antes, o Rubro-Negro enfrenta o Vasco na quarta-feira (13), às 21h30, no Maracanã, em jogo adiantado da 34ª rodada. A remarcação da partida se deve à disputa da final da Copa Libertadores no dia 23 de novembro.

O jogo

O Flamengo aproveitou a força de sua torcida e pressionou os adversários nos primeiros minutos. Aos oito, Everton Ribeiro recebeu na entrada da área e bateu, mandando próximo ao canto esquerdo da meta baiana. No minuto seguinte, Vitinho desviou de letra após cobrança de escanteio e exigiu boa intervenção de Douglas.

Então, o Bahia conseguiu segurar um pouco mais a bola e frear o ímpeto dos donos da casa. A primeira boa chegada do Tricolor veio aos 24 minutos. Flávio foi lançado na entrada da área e encheu o pé, mas parou em defesa de Diego Alves.

O zero saiu do placar aos 38, com gol dos nordestinos. Pablo Marí tentou o corte, mas a bola explodiu em Filipe Luís e sobrou para Nino Paraíba. O lateral cruzou para Élber, que cabeceou para ótima defesa do goleiro rubro-negro. O próprio camisa 7 pegou o rebote, chutou e viu a bola desviar em Willian Arão antes de entrar. No final do primeiro tempo, Douglas ainda salvou os visitantes ao pegar chute de Gabriel e cabeceio de Gerson.

Os cariocas chegaram ao empate logo no início da etapa final. Aos oito minutos, Gabriel recebeu pela direita e fez o cruzamento com a perna ruim. Reinier, que havia entrado no intervalo, completou de cabeça para deixar tudo igual no Maracanã.

A virada veio aos 26 minutos. Filipe Luís achou grande passe de trivela para Gabriel, que invadiu a área e mandou de primeira para Bruno Henrique. O camisa 27 pegou errado na bola, mas tirou de Douglas e colocou no fundo das redes, deixando o Rubro-Negro na frente.

O Flamengo ainda ampliou a vantagem aos 42 minutos. Willian Arão cobrou falta com categoria e acertou o travessão tricolor. No rebote, Gabriel só teve o trabalho de empurrar para o gol e garantir os três pontos para os líderes do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 3 X 1 BAHIA

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 10 de novembro de 2019, domingo
Hora: 18h (de Brasília)
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Jean Marcio dos Santos (RN)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Público pagante: 60.961
Público presente: 65.930
Renda: R$ 4.119.304,00

Cartões amarelos: Piris da Motta, Bruno Henrique (Flamengo)
Gols: Reinier, aos oito minutos do segundo tempo; Bruno Henrique, aos 26 minutos do segundo tempo; Gabriel, aos 42 minutos do segundo tempo (Flamengo); Willian Arão, contra, aos 38 minutos do primeiro tempo (Bahia)

FLAMENGO: Diego Alves; Rodinei, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson (Piris da Motta) e Everton Ribeiro; Vitinho (Reinier), Bruno Henrique (Diego) e Gabriel.
Técnico: João de Deus

BAHIA: Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Flávio, Gregore e João Pedro (Guerra); Artur, Gilberto (Arthur Caíke) e Élber.
Técnico: Roger Machado




  • Meu fax, minha vida

    AÍ O V.A.R.MERDAS CHORA, BUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ. BUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ. V.A.R.MERDAS SEM MUNDIAL, AS NOSSAS PHUTINHAS SEM IGUAL

Escalação
Ainda não há informações
Tec -
- Tec

Posse de bola

68%
32%
Corinthians
Santos
999
Corinthians

Passe

999
Santos
999
Corinthians

Finalização

999
Santos
999
Corinthians

Cruzamento

999
Santos
999
Corinthians

Desarme

999
Santos

Faltas

24
COR
×
15
SAN

Impedimentos

24
COR
×
15
SAN

Cartões amarelos

24
COR
×
15
SAN

Cartões vermelhos

24
COR
×
15
SAN

Estatísticas de jogadores

Corinthians

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner

Santos

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
Estatísticas de jogadores