Gazeta Esportiva

Por questões de segurança, Daniel Alves é transferido de presídio em Barcelona

São Paulo, SP

23/01/23 | 11:06 - 23/01/23 | 11:35

Nesta segunda-feira, Daniel Alves foi transferido para outro presídio em Barcelona, em decorrência de questões de segurança. O jogador está preso acusado de ter cometido agressão sexual contra uma mulher, de 23 anos, nos banheiros da boate Sutton, em Barcelona, na noite do último dia 30 de dezembro.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Na última sexta-feira, o lateral direito foi preso sem direito a fiança no Brians 1. Nessa unidade penitenciária, a capacidade é de 200 presos. Já no Brians 2, local em que ele se encontra agora, abriga 80 pessoas e conta com celas e chuveiros individuais.

O principal motivo que levou a transferência de Daniel Alves foi a sua melhor segurança e convivência com os demais presos. O tipo de crime cometido pelo brasileiro não influenciou na mudança, haja visto que o local tem presidiários condenados e em prisão preventiva - como é o caso do ex-Barcelona.

Inicialmente, o lateral negou ter cometido atos sexuais com a mulher. Todavia, em novo depoimento, mudou a versão e afirmou que houve consentimento da vítima.

Deixe seu comentário