Diego Souza e Derley são punidos por confusão em clássico

São Paulo, SP

28-09-2016 19:01:51

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) divulgou, nesta quarta-feira, a punição de Diego Souza e Derley, que se envolveram em uma discussão durante o último clássico disputado entre Sport e Santa Cruz, no dia 11 de setembro, em jogo válido pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ambos os atletas foram denunciados por ato desleal. O meia rubro-negro, que demonstrou mais exaltação durante a confusão, recebeu pena de dois jogos. Já o volante da equipe coral foi punido com apenas uma partida.

Em nota oficial, o STJD detalhou o julgamento e divulgou as palavras do relator do caso, o Auditor Vanderson Maçullo, que anunciou a punição baseadas no artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. “Ao atleta Diego Souza me resta claro que merece a condenação pela atitude impulsiva. Condeno a pena de duas partidas de suspensão. Derley respondeu ao Diego Souza e cometeu infração. Condeno o jogador do Santa Cruz a suspensão de uma partida", declarou.

Além da punição aos atletas, o STJD também analisou uma denúncia por arremesso de objetos ao gramado pela torcida do Santa Cruz. Mandante da partida, o Sport foi absolvido. Já a equipe coral terá que pagar R$ 8 mil pelo ocorrido.

A denúncia por objetos atirados ao gramado foi relatada na súmula da partida pela arbitragem, episódio ocorrido durante a comemoração do quarto do Sport no jogo. Para os auditores do caso, no entanto, ficou clara que a ação foi feita pela torcida coral.

"No artigo 213 resta claro que os objetos foram arremessados na direção onde estava a torcida do Santa Cruz. Absolvo o Sport e aplico multa de R$ 8 mil ao Santa Cruz”, justificou o Auditor Vanderson Maçullo.

Apesar das penas terem sido divulgadas, ambos os times ainda podem entrar com recurso para anular as decisões realizadas no julgamento.

Deixe seu comentário