Futebol/Campeonato Paulista A2

Marchiori comemora título da A2 pelo Santo André e destaca força do elenco

Luca Castilho* - São Paulo , SP
03/05/2019 08:00:17

Em: Campeonato Paulista A2, Futebol, Notícias, Santo André
Marchiori conquistou seu primeiro título por um clube paulista (Foto: Arquivo Pessoal)

O Santo André chegou ao seu quinto título de Campeonato Paulista da Série A2, na última quarta-feira, ao derrotar a Inter de Limeira, no Bruno José Daniel, por 3 a 1. A equipe do ABC conseguiu reverter a derrota por 2 a 1 na partida de ida e garantiu o caneco da competição.

Pela primeira vez treinando um clube de São Paulo, Fernando Marchiori, em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva, falou sobre a dificuldade no torneio e a importância da taça.

“O título foi maravilhoso. Uma campanha muito difícil, em que a competição é muito equilibrada. Nós chegamos com uma responsabilidade muito grande por ser o primeiro trabalho em São Paulo, por ser uma aposta do clube, da diretoria e precisando dar resultado com pouco recurso. Mas nós conseguimos”,  falou o treinador, que comandou o clube durante toda a campanha da conquista.

“Passo a passo superamos momentos de dificuldade com tranquilidade, sabedoria e acho que a equipe engrenou e cresceu no momento certo. Conseguimos crescer, principalmente na reta final, nas três últimas rodadas. No mata-mata a equipe incorporou, se ajustou, e as coisas acabaram acontecendo”, completou.

Antes de chegar à equipe de Santo André, Marchiori colecionou passagens pelo Cuiabá e Maringá. Pelo Dourado venceu a Copa Verde e o Mato-Grossense, e pelo Tricolor conquistou o bicampeonato da Copa FPF e a segunda divisão do Paranaense.

A equipe paulista venceu pela quinta vez a A2 (Foto: Alexandre Battibugli/FPF)

O plantel da equipe do interior é formado por experientes nomes como Cristian, de 39 anos, Jobinho, 34, e Anselmo, 38, além de jovens como Pedro Vitor, 21, e Vitor Carvalho, 19. Para o técnico, a mescla de jogadores de diferentes idades foi um diferencial para a equipe.

“A importância dos atletas experientes é porque eles trazem tranquilidade, já vivenciaram muita coisa no futebol. E esse ponto de equilíbrio de mescla entre experiência e juventude é fundamental, acho que isso é muito importante. Eu penso que isso ai foi um fator primordial. Ele foram importantes para abraçarem os meninos em um momento de insegurança para que eles passassem tranquilidade também. Merecemos muito essa conquista”, comentou.

A equipe do interior paulista disputará a Copa Paulista no segundo semestre e está no Grupo 4, ao lado de Ponte Preta, São Caetano, Água Santa, São Bernardo e Grêmio Osasco. A estreia será contra a equipe de Osasco, no dia 23 de junho, em casa. Ainda sem renovar o contrato, o comandante do título estadual preferiu não projetar a competição.

“A Copa Paulista ainda vamos ver. Não temos nada definido. Não sabemos se iremos continuar ou não para a competição. Vamos ver os projetos do clube daqui para frente”, conclui Marchiori.

*Especial para a Gazeta Esportiva