Neymar é acusado de estupro; B.O é registrado na capital paulista

Felipe Leite*, Marcelo Baseggio e Tiago Salazar - São Paulo,SP

01-06-2019 18:33:29

Na última sexta-feira, um boletim de ocorrência foi registrado em São Paulo acusando o jogador Neymar de estupro. A mulher que fez a denúncia alegou no B.O que o crime teria acontecido na cidade de Paris, na França, no dia 15 de maio deste ano. O pai do atleta negou a acusação.

Ainda segundo ela, cuja identidade está sendo preservada, os dois se conheceram por meio da rede social Instagram e passaram a trocar mensagens. Neymar, então, teria a convidado a visitá-lo na capital francesa. Assim, no dia 15 de maio, a mulher se hospedou no Hotel Sofitel Paris Arc du Triomphe.


Lá, no mesmo dia, Neymar chegou por volta das 20h00 e, "aparentemente embriagado", começou a conversar com a mulher e a "trocar carícias". No entanto, de acordo com o relato, o jogador do PSG tornou-se agressivo e, "mediante violência, praticou relação sexual contra a vontade da vítima".

Neymar está com a Seleção Brasileira em Teresópolis, no Rio de Janeiro, em preparação para a disputa da Copa América. O atleta do Paris Saint-Germain, assim como os demais jogadores concentrados no CT, receberam folga até as 11h00 (horário de Brasília) do domingo.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou que não irá se pronunciar.

Contatada pela reportagem da Gazeta Esportiva, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, por meio de nota oficial, afirmou que "houve uma denúncia registrada pela vítima na 6ªDDM" e que "o inquérito policial segue em sigilo".

Trecho do B.O registrado

Segundo trecho do documento

Confira o relato do boletim de ocorrência contra Neymar na íntegra:

"Comparece nesta Especializada a vítima qualificada sob o provimento CG 32/2000, noticiando que conheceu Neymar da Silva Santos Junior através das redes sociais (Instagram) e passaram a trocar mensagens. A vítima afirma que Neymar lhe convidou para encontrá-lo em Paris e seu assessor "Gallo" entrou em contato com a mesma na data de 12/05/2019 e forneceu as passagens e hospedagem. A vítima afirma que embarcou na data de 14/05/2019, chegando em Paris na data de 15/05/2019, hospedando-se no Hotel Sofitel Paris Arc Du Triomphe. A vítima afirma que na mesma data, Neymar chegou por volta das 20:00 no hotel, aparentemente embriagado, começaram a conversar, trocaram "carícias", porém em determinado momento, Neymar se tornou agressivo, e mediante violência, praticou relação sexual contra a vontade da vítima. A vítima afirma que foi embora de Paris na data de 17/05/2019 retornando ao Brasil. A vítima afirma que estava abalada emocionalmente e com medo de registrar os fatos em outro país, decidindo registra-los nesta Especializada em razão de seu endereço residencial. Com base no Princípio da Extraterritorialidade, bem como as partes serem brasileiras, o presente Boletim de Ocorrência foi registrado nesta Especializada, inclusive para fins de encaminhamento aos exames que se fizerem necessários. Informo, por fim, que demais informações a respeito dos fatos foram colhidas em termos próprios, bem como documentos pertinentes. Nada Mais."

* Especial para a Gazeta Esportiva

Deixe seu comentário