Campeonato Goiano

Vila Nova derrota Aparecidense no Goiano e assume vice-liderança

São Paulo , SP
16/02/2019 19:59:31 — 16/02/2019 20:38:34

Em: Campeonato Goiano, Futebol, Vila Nova-GO

Neste sábado, o Vila Nova derrotou o Aparecidense pelo placar de 2 a 1. Jogando no Estádio Anníbal Batista de Toledo, pela sétima rodada do Campeonato Goiano, o Tigre conseguiu vencer e alcançar a vice-liderança do Estadual com a vitória.

Atuando com um a menos em boa parte do jogo, o Vila foi inteligente para abrir o placar. Perdidos em campo depois do gol do adversário, os donos da casa perderam um jogador expulso. Em 10 contra 10, a situação ficou mais tranquila aos visitantes, que fecharam a conta. Os gols foram anotados por Alan Mineiro (duas vezes) e Negueba descontou.

Na próxima rodada, os comandados de Umberto Louzer pegam o Goiás, em clássico. Já o Aparecidense encara o Atlético-GO, fora de casa.

Tigre venceu e agora é o vice-líder do Goiano (Foto: Reprodução/Twitter/Vila Nova)

O jogo – A primeira oportunidade do duelo foi da equipe mandante. Logo aos cinco minutos, Alex Henrique fez ótima jogada pela direita, invadiu a área e rolou para Nonato, que chutou à direita do gol, desperdiçando a chance.

O Vila teria que lidar com uma situação adversa, pois aos 12 teve um jogador expulso. Gastón Filgueira fez falta dura em Moisés e foi para o chuveiro mais cedo, comprometendo os visitantes.

A partir de então, a Aparecidense começou a pressionar, e só não abriu o placar, devido a pontaria ruim. Até o final do primeiro tempo, o Tigre segurou a pressão do Camaleão e o placar não se movimentou.

Na etapa complementar, os mandantes seguiam na pressão. Aloísio limpou a marcação na entrada da área e chutou com perigo, à direita do goleiro Saulo.

Entretanto, o Camaleão pagou com uma das máximas do futebol: quem não faz toma. Aos 16 minutos, o Vila saiu na frente. Elias fez ótima jogada em contra-ataque e deixou Alan Mineiro na cara do gol. O meia tocou no canto de Pedro Henrique e marcou.

Depois, o Aparecidense perdeu um jogador expulso, e o jogo se tornou equilibrado. Com 10 contra dez, o Vila Nova soube administrar bem e ampliar o marcador, após boa tabela entre Alan Mineiro e Elias.

Entretanto, o Camaleão não desistiu e ainda descontou. Aos 38 minutos, Rafael Cruz cruzou na cabeça de Negueba. Na reta final, pressão dos mandantes, que acabou não surtindo efeito. Final: 2 a 1 Vila.