Com Zeca fora, Jean Mota deve ganhar sequência como lateral no Santos

Correspondente Vitor Anjos - Santos,SP

27/10/17 | 11:00 - 27/10/17 | 02:43

Zeca não faz mais parte dos planos do Santos. Após entrar com uma ação para rescindir seu contrato, o lateral-esquerdo travará uma batalha judicial com a diretoria do clube nos próximos meses e provavelmente não irá mais vestir a camisa do Peixe.

Com a saída do titular, quem deve ganhar uma sequência na posição é Jean Mota. Meia de origem, o jogador de 24 anos virou um 'quebra-galho' dos bons no alvinegro. Desde que chegou ao clube, em junho do ano passado, ele já atuou como armador, volante, lateral e até atacante.

Na última quinta-feira, inclusive, Levir Culpi treinou a equipe com o meia sendo improvisado na lateral esquerda. E como Zeca não voltará ao elenco, Mota já deve ser titular no clássico contra o São Paulo, neste sábado, às 17h (de Brasília), no Pacaembu, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com Zeca em litígio no Santos, Jean Mota deve assumir titularidade na lateral (Foto: Ivan Storti / Santos FC)

Para as últimas rodadas da competição, Jean terá Caju como principal concorrente. O lateral-direito voltou a ser relacionado na última semana após a negociação frustrada com o Lille, da França. Ele retornou ao clube no dia 11 de setembro e passou um mês apenas aprimorando a parte física para voltar 100% e retomar seu espaço.

Orinho, por sua vez, corre por fora. O jovem de 22 anos subiu do time B com Levir Culpi e chegou até a ser inscrito na Libertadores. Porém, após fraca atuação na derrota do Santos para o Botafogo, no dia 16 de setembro, no Engenhão, ele perdeu espaço na equipe.

Deixe seu comentário