Gazeta Esportiva

Navarro desencanta, e Palmeiras vence Ituano com reservas antes de decidir Supercopa

São Paulo, SP

25/01/23 | 21:26

Em uma semana decisiva com a final da Supercopa do Brasil contra o Flamengo neste sábado, em Brasília, o Palmeiras entrou em campo um time todo reserva nesta quarta-feira contra o Ituano, no estádio Novelli Júnior, em Itu (SP), pela quarta rodada do Campeonato Paulista, e não decepcionou. Venceu por 3 a 1 e conquistou a segunda vitória na competição. Rafael Navarro - que desencantou e balançou a rede desde a Libertadores do ano passado -, Lucas Siqueira (contra) e Bruno Tabata (em cobrança de pênalti) marcaram os gols.

O triunfo é o segundo do Palmeiras no Paulistão, o segundo como visitante - o outro foi contra o Botafogo, em Ribeirão Preto (SP). Em casa empatou por 0 a 0 com São Bento e São Paulo, o que faz com que o time some agora oito pontos e fique entre os primeiros do Grupo D. O Ituano, com três pontos e ainda sem vencer, é o lanterna do Grupo C.


Neste sábado, o Palmeiras enfrentará o Flamengo, às 16h30 (de Brasília), no estádio Mané Garrincha, em busca do primeiro título entre os profissionais na temporada. Volta ao Paulistão na próxima quarta-feira, às 21h35, contra o Mirassol, em Mirassol (SP), pela quinta rodada. O Ituano entrará em campo agora no domingo, às 16 horas, contra a Inter de Limeira, fora de casa.

O jogo - Mesmo com o time reserva, o Palmeiras começou a partida tentando se impor em campo. Logo aos dois minutos, quase marcou depois de uma boa jogada do zagueiro Kuscevic, que roubou a bola no meio e tocou na frente para Breno Lopes. O atacante chutou rasteiro e cruzado e a bola passou raspando a trave esquerda.

Só que a tentativa de imposição alviverde parou por aí e o Ituano passou a construir suas jogadas ofensivas em cima de erros de posicionamento do setor defensivo. Aos 18 minutos, Marcelo Lomba teve que fazer uma defesa no chute de Paulo Victor. Dez minutos depois, foi a vez de Eduardo Person levar perigo com um chute rasteiro que passou rente à trave direita do goleiro do Palmeiras.

No lance seguinte, aos 29 minutos, Mayke foi decisivo para o primeiro gol alviverde. O lateral direito roubou a bola no meio, tocou para Flaco López e recebeu de volta na direita. Livre, avançou até a área e cruzou rasteiro para o meio. Rafael Navarro deu um carrinho para fazer mandar a bola para a rede.

O gol sofrido desestabilizou o Ituano, que passou o resto do primeiro tempo torcendo para que ele acabasse logo. O Palmeiras aproveitou e criou algumas chances. A melhor aconteceu nos acréscimos, aos 47 minutos. Flaco López carregou livre para dentro da área, mas na hora de finalizar não conseguiu fazer o melhor movimento e chutou em cima de Jefferson Paulino.

Para a segunda etapa, o técnico Carlos Pimentel fez duas substituições para dar mais força no meio de campo do Ituano e teve êxito. Aos sete minutos, saiu o gol de empate. Paulo Victor disparou pela direita, nas costas do lateral esquerdo Vanderlan, e cruzou no meio para Eduardo Person, que estava livre dentro da área e chutou para a rede.

O gol de empate animou o Ituano, que levou perigo em alguns lances, mas não teve a efetividade necessária para conseguir a virada. E foi castigado mais tarde com o segundo do Palmeiras, aos 27 minutos. Após escanteio pela direita, Flaco López cabeceou, mas a bola tocou na mão de Lucas Siqueira, que tirou Jefferson Paulino do lance.

Pouco tempo depois, o Verdão liquidou o jogo. Flaco López sofreu o pênalti e Bruno Tabata foi para a cobrança, aos 36 minutos. O meia bateu no meio do gol e fez o terceiro gol.

FICHA TÉCNICA
ITUANO 1 x 3 PALMEIRAS

Local: Estádio Municipal Dr. Novelli Júnior, em Itu (SP)
Data: 25 de janeiro de 2023 (quarta-feira)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Thiago Luis Scarascati
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Amanda Pinto Matias
VAR: Adriano de Assis Miranda
Renda: R$ 678.770,00
Público: 10.169 torcedores
Cartões amarelos: Felipe Saraiva e José Aldo (Ituano); Vanderlan e Flaco López (Palmeiras)
Gols:
ITUANO: Eduardo Person (aos 7min do 2º tempo)
PALMEIRAS: Rafael Navaro (aos 29min do 1º tempo), Lucas Siqueira (contra, aos 27min do 2º tempo) e Bruno Tabata (pênalti, aos 37min do 2º tempo)

ITUANO: Jefferson Paulino; Raí Ramos, Rafael Pereira (Frazan), Bernardo e Mário Sérgio; Lucas Siqueira, Eduardo Person (Andrey) e José Aldo (Marcelo Freitas); Paulo Victor (Rafael Cavalheira), Quirino e Yago (Felipe Saraiva).
Técnico: Carlos Pimentel

PALMEIRAS: Marcelo Lomba; Mayke, Luan, Kuscevic e Vanderlan; Jailson, Atuesta (Fabinho) e Bruno Tabata (Jhon Jhon); Breno Lopes (Garcia), Flaco López (Merentiel) e Rafael Navarro (Giovani).
Técnico: Abel Ferreira

Deixe seu comentário