Futebol

Náutico demite Márcio Goiano após derrota para o Ferroviário

São Paulo , SP
13/05/2019 17:37:45

Em: Brasileiro Série C, Futebol, Náutico, Notícias
Márcio Goiano não suportou pressão e não é mais o técnico do Náutico (Foto: Léo Lemos/Náutico)

Depois da derrota em casa para o Ferroviário por 1 a 0 pela Série C do Campeonato Brasileiro, a diretoria do Náutico optou por demitir o treinador Márcio Goiano no domingo. O técnico assumiu o Timbu em maio do ano passado, quando foi eliminado nas quartas de final da terceira divisão para o Bragantino.

O vice-presidente Diógenes foi o responsável por comunicar à imprensa o desligamento do profissional. O dirigente agradeceu o período de trabalho de Márcio Goiano e relembrou o compromisso do Náutico contra o Campinense, na próxima quarta-feira, às 19h30, valendo uma vaga na Copa do Nordeste do ano que vem. Na primeira partida entre os dois times, os pernambucanos foram derrotados por 2 a 1 fora de casa.

“Estamos aqui para comunicar que, após o jogo, o resultado não agradou, tivemos uma reunião com todos e chegamos a conclusão que o trabalho de Márcio Goiano precisava chegar hoje ao final de um ciclo. O clube agradece o trabalho do treinador e deseja toda sorte. Agora, vamos iniciar um novo ciclo, que começa na decisão de quarta-feira contra o Campinense”, afirmou o dirigente.

Por fim, o presidente Edno Melo fez questão de ressaltar que o Náutico deixará portas abertas para um eventual novo trabalho de Márcio Goiano no clube.

“Agradecer a dedicação de Márcio e enaltecer a pessoa dele como profissional. No Náutico, não deu nenhuma brecha pra que a gente achasse que o trabalho dele fosse errado. Agradecer a ele, em nome de todos os alvirrubros, e dizer que as portas estão abertas. Chegou ao fim um ciclo, mas não um trabalho que, em outra situação, ele possa fazer pelo Náutico”, garantiu o presidente.

O Náutico ainda não anunciou quem será o substituto de Márcio Goiano no cargo de treinador.