Empresário pede desculpas e diz que Pedrinho não tem “propostas concretas”

São Paulo , SP
18/10/2018 15:51:54

Em: Brasileiro Série A, Corinthians, Escolha do editor, Futebol

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Recebi um monte de telefonemas e mensagens após minha última publicação. Quero deixar claro que sou um amante do futebol e não aguento a burocracia desse tal de VAR. O jogo para, um suspense fica no ar, depois de três longos minutos vem uma decisão e muitas vezes ainda fica uma discussão se houve ou não acerto na tal decisão. Lamentável sobre todos os aspectos, querem melhorar o futebol assim? Acho que o VAR só deveria ser usado para saber se a bola entrou ou não ou para impedimento no mais segue o jogo. Sobre a saída do Pedrinho existem sim vários clubes da Europa interessados mas ainda não tem nada de concreto, todo jogador almeja jogar em um grande clube europeu e com o Pedrinho não seria diferente, não estava nos meus planos fazer isso de imediato mas o assédio está muito grande e meu desabafo além desse famigerado VAR ter me tirado do sério ontem onde vi varias pessoas que estavam do meu lado no estádio irem da euforia as lágrimas e isso me deixou muito chateado e como sou um barril de pólvoras acabei me excedendo.

Uma publicação compartilhada por Will Dantas (@will_dantas) em

O empresário do meia Pedrinho, Will Dantas, voltou atrás depois de dizer que era tempo de tirar o atleta do Brasil. Colocando-se como um homem emotivo e que ficou revoltado com a anulação do gol do seu atleta, que viraria o placar para o Corinthians na decisão da Copa do Brasil, na quarta-feira, Will explicou que a motivação da sua publicação foi mais por causa do uso do VAR do que por uma insatisfação no clube.

“Recebi um monte de telefonemas e mensagens após minha última publicação. Quero deixar claro que sou um amante do futebol e não aguento a burocracia desse tal de VAR. O jogo para, um suspense fica no ar, depois de três longos minutos vem uma decisão e muitas vezes ainda fica uma discussão se houve ou não acerto na tal decisão. Lamentável sob todos os aspectos, querem melhorar o futebol assim?”, escreveu Will, reforçando que há interesse de europeus pelo meia.

“Sobre a saída do Pedrinho existem, sim, vários clubes da Europa interessados mas ainda não tem nada de concreto, todo jogador almeja jogar em um grande clube europeu e com o Pedrinho não seria diferente, não estava nos meus planos fazer isso de imediato mas o assédio está muito grande”, justificou, fechando seu depoimento com a revolta do momento.

“Meu desabafo além desse famigerado VAR ter me tirado do sério ontem onde vi varias pessoas que estavam do meu lado no estádio irem da euforia as lágrimas e isso me deixou muito chateado e como sou um barril de pólvoras acabei me excedendo”, concluiu.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com




×
Quer receber notícias do Corinthians?