Corinthians antecipou e já recebeu a primeira parcela da venda de Pedrinho

Tiago Salazar - São Paulo,SP

12-12-2020 09:00:34

O Corinthians recebeu 4 milhões de euros, cerca de R$ 24,5 milhões, pela venda de Pedrinho ao Benfica, conforme apurou a Gazeta Esportiva.

O valor foi antecipado em novembro, junto a um fundo europeu, e equivale a primeira das cinco parcelas que o clube português se comprometeu a pagar pela aquisição do jogador.

Portanto, o Timão tem ainda 14 milhões de euros, aproximadamente R$ 85,9 milhões, a receber, já que a venda foi acertada pelo montante de 18 milhões de euros depois da renegociação que reduziu o valor em 2 milhões de euros, por causa da decisão do Corinthians em devolver Yony González ao time de Lisboa.

A atual diretoria corintiana não pretende mais fazer qualquer movimentação financeira neste sentido. É Duílio Monteiro Alves, presidente eleito para o próximo triênio e que assumirá o posto em 4 de janeiro de 2021, é quem dará sequência ao processo.

Por contrato, o Benfica tem de fazer primeira transferência apenas em agosto do ano que vem.

O Corinthians entende que é vantajoso arcar com o custo da operação para ter, mais cedo, acesso a quantia total da venda. O clube do Parque São Jorge tem estudado as taxas e as variáveis antes de solicitar a antecipação de todo o valor restante.

Em outurbo, a Gazeta revelou que o departamento financeiro corintiano estimava que a despesa com o fundo responsável pela antecipação seria de aproximadamente 1,5 milhão de euros, algo que representava R$ 9,9 milhões na época.

O Corinthians ficará com 70% do valor da venda de Pedrinho. O restante pertence ao empresário Will Dantas. O Timão já tem com Dantas um acordo de parcelamento.


Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Corinthians?