Após decidir para Colômbia, James mostra insatisfação com Real

São Paulo, SP

13-11-2015 16:00:35

Em jogo duro, a Colômbia arrancou um empate por 1 a 1 contra a seleção chilena, em Santiago. O embate, válido pela terceira rodada das Eliminatórias para a Copa de 2018, marcou a queda do rendimento 100% do Chile. Mas o detalhe do jogo ficou por conta do craque James Rodríguez, que, após uma partida convincente, questionou por não ser titular em seu clube, o Real Madrid.

Depois de sofrer uma lesão na coxa esquerda, há dois meses, também defendendo a seleção de seu país, James voltou a campo defendendo as cores da Colômbia na quinta. Além de capitão, o atleta mostrou liderança, aguentou os 90 minutos e foi o responsável pelo gol que assegurou um ponto à sua seleção.

Esta é a primeira partida completa que o ganhador do gol mais bonito da última Copa disputou após estar inteiramente recuperado. Isto porque, nos dois jogos que atuou pelo Real Madrid, esteve em campo somente em um tempo, e amarga uma vaga na reserva.

“Eu estou bem. No Real Madrid, treino bem, então estou pronto para outros 90 minutos. Tive 45 em que comecei bem e muito duro, para que sigam falando que não estou bem”, disparou o atleta de forma irônica, após o jogo.

Enquanto o técnico merengue, Rafa Benítez, parece não confiar 100% na condição de James, José Pekerman, comandante da Colômbia, não tem dúvidas quanto a sua convocação. O jogador diz sentir-se melhor assim.

“Quando não estou aqui, sofro muito. Quero estar aqui, quero sempre ajudar e sinto muito isso (quando está de fora)”, declarou. A próxima partida da Colômbia pelas Eliminatórias será contra a Argentina, na terça.  Já pelo Real Madrid, James deseja estar em campo em um dos maiores clássicos do mundo: Real Madrid x Barcelona, no Santiago Bernabéu, no próximo dia 21.

Deixe seu comentário