Eduardo elogia Prass, vê time maduro e valoriza virada após trocas

Bruno Ceccon - Santos, SP
19/03/2017 22:02:38 — 20/03/2017 02:01:03

Em: Campeonato Paulista, Futebol, Palmeiras
Eduardo Baptista exaltou a atuação de Fernando Prass na vitória sobre o Santos (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)
Eduardo Baptista exaltou a atuação de Fernando Prass na vitória sobre o Santos (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

O Palmeiras se classificou às quartas de final do Campeonato Paulista ao ganhar do Santos por 2 a 1, na Vila Belmiro. Satisfeito com o resultado deste domingo, o técnico Eduardo Baptista elogiou o goleiro Fernando Prass e valorizou a virada, alcançada após as entradas de Roger Guedes e Willian.

O time alviverde foi dominado pelo Santos durante a maior parte do tempo e contou com uma série de defesas difíceis de Prass para seguir no jogo. O camisa 1, após a atuação inspirada no litoral, ganhou afagos de seu comandante.

“Quando você enfrenta o Santos na Vila, tem que entrar com um bom goleiro. Aqui, o Santos agride o adversário e tenta de todas as maneiras. Fatalmente, vai criar chances. Ter um goleiro como o Prass é importante para o time que quer chegar longe”, disse Eduardo, que também elogiou o santista Vladimir.

Após substituir Guerra por Egídio, o técnico palmeirense viu o Santos abrir o placar em uma jogada nas costas do lateral esquerdo. Ele tentou corrigir ao trocar Keno por Roger Guedes e Zé Roberto por Willian. Nos minutos finais, os dois atacantes participaram da virada.

“Sabia que tínhamos condições de agredir mais o Santos. Foram felizes as entradas do Guedes e do Willian, que deram uma profundidade maior e conseguimos chegar por onde queríamos. Tentamos o jogo todo chegar pelos lados e conseguimos pela direita”, descreveu Eduardo.

Após ganhar nos minutos finais o segundo jogo consecutivo, o treinador ainda destacou a persistência de seu elenco. Na noite da última quarta-feira, pela Copa Libertadores, o Palmeiras venceu o boliviano Jorge Wilstermann com um gol de Mina nos acréscimos.

“O jogo vai até os 49, 50 minutos. Tomamos algumas lições importantes sobre isso e hoje não foi diferente”, disse Eduardo. “É um time maduro, experiente, com qualidade e, acima de tudo, que briga demais nos jogos. A equipe busca o resultado a todo momento e foi premiada por isso com uma grande vitória”, definiu.