Diniz exalta disciplina de atletas pendurados antes do clássico: “Souberam se comportar”

São Paulo, SP

10-12-2020 07:00:54

O técnico Fernando Diniz não escondeu sua satisfação com o comportamento dos seus jogadores pendurados durante a goleada sobre o Botafogo, nesta quarta-feira, por 4 a 0, no Morumbi. Entrando em campo com dez atletas podendo desfalcar a equipe no clássico contra o Corinthians do próximo domingo, o Tricolor não teve problemas disciplinares e terá todos os principais nomes à disposição no Majestoso.

“Nosso time costumeiramente toma poucos cartões, acho que não tomamos cartões vermelhos ainda, somos um time que faz poucas faltas. Não gosto que façam faltas violentar ou desnecessárias. Os jogadores souberam se comportar, encarar o jogo. É sempre muito bom poder contar com todo mundo”, afirmou Fernando Diniz.


Nesta quarta-feira, contra o Botafogo, o treinador são-paulino teve Igor Gomes, Gabriel Sara, Igor Vinícius, Luan, Léo, Reinaldo, Juanfran, Arboleda, Vitor Bueno e Tchê Tchê pendurados. Desses, sete começaram a partida como titulares, contudo, todos saíram de campo sem receber o terceiro cartão amarelo, que o tiraram do clássico.

Vale lembrar que logo no início do segundo tempo, para se precaver, Fernando Diniz promoveu três substituições, sacando Igor Gomes, Gabriel Sara e Luan, três titulares no meio-campo, para a entrada de Vitor Bueno, Hernanes e Rodrigo Nestor.

Além de não perder nenhum atleta por acúmulo de cartões amarelos, Fernando Diniz também poderá contar com Daniel Alves no próximo domingo. O camisa 10 tricolor ficou de fora da partida contra o Botafogo justamente por ter de cumprir suspensão automática após ser advertido com o terceiro amarelo na vitória sobre o Sport e voltará a ficar à disposição no Majestoso, em Itaquera.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?