Análise: atuações do São Paulo mostram ao torcedor que sonhar com título é ilusão

Redação - São Paulo,SP

17-06-2022 06:00:39

Marcelo Baseggio

A invencibilidade de 15 jogos do São Paulo, encerrada nesta quinta-feira pelo Botafogo, era um dos motivos que levavam alguns torcedores a crerem em algo grande nesta temporada. Mas, considerando as atuações recentes do Tricolor, mesmo durante a sequência sem derrotas, o sonho do título não passa de uma ilusão.

O São Paulo vem sofrendo para criar chances de gol com naturalidade e, de fato, muito disso se deve à ausência de atacantes velozes, capazes de acelerar o jogo no terço final do campo, quebrar linhas e oferecer muito mais alternativas no setor ofensivo do que aquelas que o time comandado por Rogério Ceni tem hoje.

Mas, o futebol jogado pelo São Paulo não pode ser explicado apenas pela falta de atletas com determinadas características. Nesta quinta-feira, contra o Botafogo, boa parte da equipe estava em um dia infeliz, abaixo tecnicamente, como o próprio Rogério Ceni admitiu em entrevista coletiva.


Rodrigo Nestor, um dos principais jogadores do elenco, errou tudo que tentou. Rigoni segue sem corresponder às expectativas, assim como Luciano, que, em breve, não deve ter seu nome entoado nas arquibancadas, como se acostumou nos últimos meses, mesmo não rendendo o que um dia rendeu com a camisa do São Paulo.

Soma-se a isso o fato de o Tricolor lidar atualmente com nada mais, nada menos que oito desfalques: Sara (cirurgia no tornozelo direito), Nikão (dores no tornozelo esquerdo), Talles Costa (entorse no tornozelo direito), Alisson (entorse no joelho direito), Moreira (entorse no tornozelo esquerdo), Andrés Colorado (lesão muscular no reto femoral direito), Caio (lesão no ligamento cruzado do joelho direito) e Luan (sequela de lesão no adutor esquerdo).

Como se não bastasse, o mau momento vivido por Rogério Ceni e seus comandados coincide com a chegada de dois duelos contra o Palmeiras, seu algoz na final do Campeonato Paulista. O Tricolor receberá o Verdão na próxima segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro, e na próxima quinta-feira, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Enquanto o Palmeiras segue nadando de braçadas no Brasileirão, sendo líder isolado, o São Paulo deixou o G4 nesta rodada e viu a distância para seu rival aumentar para sete pontos. De fato, o objetivo principal do Tricolor deve ser a classificação para a próxima Copa Libertadores. Porém, com o nível de futebol que vem sendo apresentado, até a vaga para o torneio continental pode acabar ficando distante.

Deixe seu comentário