Santos defende invencibilidade de oito anos contra times argentinos

São Paulo, SP

06-04-2021 09:00:58

Nesta terça-feira, o Santos visita o San Lorenzo, às 21h30, na partida de ida da terceira fase da Libertadores. Para chegar aos grupos do torneio sul-americano, o Peixe precisa superar um time argentino, algo que tem acontecido com frequência nos últimos anos.

A última vez que o Santos foi derrotado em campo por uma equipe do país vizinho foi em 2012. Na ocasião, o time comandado por Muricy Ramalho foi batido por 1 a 0 pelo Vélez, jogando fora de casa, no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. Na volta, o Alvinegro venceu os argentinos pelo mesmo placar e, nos pênaltis, conseguiu avançar de fase.

Ao todo, o Santos já disputou 108 partidas contra equipes da Argentina, somando 59 vitórias, 21 empates e 28 derrotas. Contra o San Lorenzo, foram quatro confrontos na história, com duas vitórias, um empate e uma derrota. A última vez que os times se enfrentaram foi em 2006, quando o Peixe venceu por 1 a 0, na Vila Belmiro, pela Sul-Americana.


Na campanha de 2020, que culminou no vice-campeonato, o Santos teve em seu caminho duas equipes argentinas. Na fase de grupos, o Alvinegro venceu as duas partidas contra o Defensa y Justicia. Já na semifinal, o time comandado por Cuca empatou com o Boca Juniors na Bombonera e, em seguida, venceu por 3 a 0 na Vila Belmiro.

Relembre os dez últimos jogos do Santos contra argentinos:

Vélez Sarsfield 1 x 0 Santos - Libertadores de 2012
Santos 1 (4) x (2) 0 Vélez Sarsfield – Libertadores de 2012
Estudiantes 0 x 1 Santos – Libertadores de 2018
Santos 2 x 0 Estudiantes – Libertadores de 2018
Independiente 0 x 0 Santos – Libertadores de 2018*
Santos 0 x 0 Independiente – Libertadores de 2018
Defensa y Justicia 1 x 2 Santos – Libertadores de 2020/21
Santos 2 x 1 Defensa y Justicia - Libertadores de 2020/21
Boca Juniors 0 x 0 Santos – Buenos Aires – Libertadores de 2020/21
Santos 3 x 0 Boca Juniors – Vila Belmiro – Libertadores de 2020/21

* O jogo entre Independiente e Santos terminou com um empate sem gols em campo, porém a Conmebol puniu o Peixe pela escalação irregular de Carlos Sánchez, determinando que o placar oficial passasse a ser 3 a 0.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?