Presidente do Santos minimiza cobrança do Atlético Nacional: "Estamos conversando"

Lucas Musetti Perazolli - Santos,SP

24-04-2020 16:32:55

Santos não terminou de pagar por Aguilar ao Atlético Nacional, mas o vendeu para o Athletico (Foto: Fabio Wosniak/Athletico-PR)

O presidente do Santos, José Carlos Peres, minimizou a cobrança do Atlético Nacional pelo pagamento de duas parcelas da contratação de Felipe Aguilar.

O clube colombiano cobrou o Peixe por meio do seu site oficial e lamentou o silêncio. São dois débitos de 387 mil dólares (R$ 2,1 mi), combinados para dezembro de 2019 e março de 2020. Peres nega a demanda do Atlético na FIFA.

"Estamos conversando com ele (presidente do Atlético Nacional) e o que ele quer é uma data para pagar as duas últimas parcelas de 387 mil dólares. Eles estão precisando de dinheiro, todos nós estamos precisando de dinheiro. Não foram à FIFA, até porque uma parcela venceu em 31 de dezembro de 2019 e a outra, a última, em março, no meio da calamidade pública. Somadas as parcelas dão 774 mil dólares. Já contatamos eles e vão segurar até as coisas voltarem ao normal", disse o presidente, à Gazeta Esportiva. 

Na nota oficial, o Atlético Nacional citou a venda de Aguilar ao Athletico-PR neste ano, no valor de R$ 10 milhões, e lembrou do superávit de R$ 23,5 milhões anunciado pelo Santos na temporada passada.

“Depois de múltiplas e malsucedidas tentativas de comunicação por parte da instituição verdolaga, com o silêncio do Santos, o Atlético Nacional se viu obrigado a recorrer à FIFA para cobrar o pagamento das duas parcelas de dívida. O Atlético Nacional lament profundamente que atos como esses deteriorem a relação de muitos anos entre dois clubes de tanta trajetória no futebol mundial. Da parte do clube antioqueño sempre existiu vontade de diálogo e acordo. Infelizmente nunca correspondida da mesma forma pelo Santos”, diz trecho do texto.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?