Futebol

Se ficar, Cuca dará continuidade a um trabalho após cinco anos

São Paulo , SP
03/10/2017 08:00:52

Em: Brasileiro Série A, Futebol, Palmeiras

Em 2018, Cuca terá uma oportunidade inédita em um período de cinco anos: dar continuidade à seu trabalho em um clube de futebol. Conhecido pela aptidão nas montagens de elenco, o treinador tem contrato com o Palmeiras até o final de 2018 e poderá comandar a formação do grupo palmeirense para o ano que vem. No entanto, já deu mostras de que pode sair.

Cuca assumiu o Atlético-MG, na metade de 2011, para substituir Dorival Júnior. No Galo, o treinador participou da formação do elenco que foi campeão mineiro em 2012, vice-brasileiro no mesmo ano, e vencedor da Copa Libertadores na temporada seguinte.

Sendo assim, o início de 2013 foi a última vez que o técnico pôde mostrar sua capacidade em continuar um trabalho e indicar nomes para o próximo ano no futebol brasileiro. Oportunidade que se repete para 2018, caso Palmeiras e treinador decidam por sua continuidade.

No sábado, após a derrota no clássico contra o Santos, na noite do último sábado, Cuca concedeu entrevista coletiva e deixou seu futuro no Palmeiras em aberto para 2018. Na segunda-feira, porém, o treinador afirmou que foi mal interpretado e garantiu seu desejo de permanecer no Verdão para o próximo ano.

Ganhador da edição de 2016 do Campeonato Brasileiro, Cuca vem enfrentando turbulências em sua segunda passagem pelo Palmeiras. Após a queda diante do Cruzeiro nas quartas de final da Copa do Brasil, o treinador chegou a colocar o cargo à disposição.

Em seu primeiro ano como presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte já reiterou que promover mudanças na estrutura do futebol é algo que não faz parte dos planos. Com a derrota diante do Santos, o Palmeiras é o quatro colocado e está 12 pontos atrás do líder Corinthians no Campeonato Brasileiro. A equipe voltará a campo no dia 12 de outubro, quando enfrentará o Bahia, na Arena.




  • Hugo Verde

    Esse Cuca é pobremático,kkkkk

  • Sergio De Souza Gomes

    Do time que conquistou o último título na mão do técnico, saiu apenas o Gabriel Jesus. O resto que trocou de clube nem titular era. Invés de repor apenas um, Galliote e Mattos repuseram um monte de meia-boca que não resolveu e nem vai resolver. Agora, falam em Tevez, velho, em fim de carreira que nem na China consegue jogar, e Bernard, que nem titular é no Shaktar, da Ucrânia. E o técnico aceita. Isso é uma brincadeira de mau gosto prá não dizer uma forma de ganhar dinheiro por fora, indicando jogadores que não deram certo fora do País.

    • Hugo Verde

      Se não deram certo na China e na Ucrânia, no Brasil não servem nem pro banco de reservas, CX é o exemplo mais recente, raras exceções…

      Essa de contratar jogadores velhos, também é margem pra dar tiro no pé, se é pra contratar alguém, que seja na certeza, apostas da pra repatriar os jogadores do Palestra que estão emprestados.

      • JURUPOCA_VAI_PIA_VAI

        TEM MUITOS JOVENS TALENTOS QUE O PALMEIRAS PODEM INVESTIR, É SÓ TER OLHEIROS INTELIGENTES E A DIRETORIA USAR INTELIGÊNCIA……AGORA, TRAZER VELHOS CONHECIDOS FIM DE CARREIRA, DE CADA DEZ SALVA UM E OLHA LÁ.

      • Sergio De Souza Gomes

        Dos quarenta e tantos que já tem, os que se salvam são meia dúzia se tanto. E eles querem mais prá ganhar dinheiro em cima. Só pode ser isso. O futebol brasileiro acabou. Os bons estão lá fora, relegados a segundo plano porque não servem prá competir com Cristiano Ronaldo, Messi, Benzema, etc e tal, que ganham o que o Palmeiras não tem cash prá pagar. Então, Mattos, Galliote & Cia compram os desqualificados que sobraram por aqui e ganham uns trocos em cima das negociatas com os agentes dos bagulhos.

  • Hugo Verde

    Creditei o mal futebol do Barrios ao próprio jogador, mas com essa passagem bizarra do Borja pelo Palestra, a conta vai pro Cuca, história que já se repetiu em outros clubes, o Cuca precisa mudar esse jeito turrão dele e trabalhar o time pra favorecer nossos atacantes, não vamos encontrar outro Gabriel Jesus tão cedo e não da pra ficar queimando dinheiro assim…

  • Ladislaus Franz Major

    Essa de buscar jogador estrangeiro ta por fora, isso dois nomes um se chama incompetencia e o outro pode ser taxa de percentual no bolso de quem indicou,e quem contratou, existem no futebol brasileiro mais de 500 profissionais de futebol, pra que buscar fora? Ridiculo, Palestra tem que contratar um bom olheiro, Honesto esforçado e que seja palmeirense. Isso que falta no futebol brasileiro, Bons olheiros e honestidade.

  • Ladislaus Franz Major

    Eu ja teria mandado CUCA embora, alias mintooooo, nem teria contratado o Cara.Mal do Palmeiras é querer tecnico medalhão, Existem excelentes tecnicos, no Brasil, EX. O que Vagner Mancini esta fazendo no VITORIA é algo sensacional. é ai que vc conheçe a capacidade de um Técnico, num time com o elenco do nivel do palmeiras Cuca teria a obrigação de ser lider do Campeonato. So que sucessivos erros mostram a falta de capacidade do cidadão.

    • Hugo Verde

      Gostei da contratação e pedi a volta do Cuca… Mas essa dele queimar jogador é osso, essa de ter que jogar nesse formato de jogo dele complica demais…

  • Ronão Silva

    “Boa tarde, eu sei que as pessoas de muita influencia no Palmeiras, NÃO vão concordar por motivos de força maior….!!!, mais que esse Alexandre Matos está lavando dinheiro no nosso VERDÃO isso sim é a maior das verdades, contratando jogadores medianos, pagando valores absurdos em nomes como: Borja, Deyverson, Luan, Juninho, Tropeço (Fabiano), Mayke,(refugo do Cruzeiro), e outros meia boca que o mesmo contratou e todos viram que não trarão beneficio algum ao palestra……….!!!!!!!!!!!!!!!!!!!”

×
Quer receber notícias do Palmeiras?