Palmeiras foi finalista nas duas edições da Libertadores disputadas com técnicos estrangeiros

São Paulo, SP

25-11-2020 08:00:51

O português Abel Ferreira estreia na Copa Libertadores contra o Delfin às 19h15 (de Brasília) desta quarta-feira, contra o Delfin, no Estádio Jocay. Nas duas edições do torneio disputadas sob o comando de técnicos estrangeiros, o Palmeiras alcançou a final e acabou com o vice.

Em 1961, sob o comando do treinador argentino Armando Renganeschi, o Palmeiras foi o primeiro representante do Brasil a se classificar para a decisão da Copa Libertadores. O time alviverde, porém, acabou derrotado na final pelo tradicional Peñarol, do Uruguai.


Na edição de 1968 do torneio continental, o Palmeiras iniciou sob o comando de Mario Travaglini, mas encerrou com o também argentino Alfredo Gonzalez. De volta à final da Copa Libertadores, a equipe brasileira caiu diante do Estudiantes, da Argentina, na partida desempate.

O Palmeiras disputou mais duas finais da Copa Libertadores, ambas com o gaúcho Luiz Felipe Scolari no comando. Em 1999, o time alviverde bateu o colombiano Deportivo Cali para ganhar seu único título e, no ano seguinte, acabou derrotado pelo argentino Boca Juniors.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Contratado para suceder Vanderlei Luxemburgo, Abel Ferreira já disputou a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, o português estreia na Libertadores com o desafio de ser o primeiro treinador estrangeiro a conquistar o título pelo Palmeiras.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Palmeiras?