Futebol/Campeonato Gaúcho

Grêmio perde para o Caxias e deixa escapar título do primeiro turno do Gauchão

São Paulo , SP
22/02/2020 18:45:40 — 22/02/2020 20:29:00

Em: Campeonato Gaúcho, Campeonatos, Futebol, Gazeta Press, Grêmio, Times

O Grêmio foi derrotado pelo Caxias neste sábado por 1 a 0, no Estádio Centenário, e perdeu a oportunidade de se sagrar campeão do primeiro turno do Campeonato Gaúcho, garantindo uma vaga para a final da competição. O clube grená, com o triunfo, pode conquistar o campeonato pela segunda vez em sua história.

A primeira etapa da final foi bastante movimentada, mas com poucas chances claras para as duas equipes. No principal lance, logo aos 15 minutos, Diego Souza recebeu livre pelo lado direito e arrancou para ficar cara a cara com o goleiro, mas o atacante não bateu bem e o arqueiro fez a defesa sem muitas dificuldades.

Caxias foi campeão com a vitória sobre o Grêmio por 1 a 0 (Foto: Luiz Erbes/S.E.R. Caxias)

A movimentação intensa se manteve no segundo tempo, porém com as oportunidades de gol começaram a aparecer. Na parte final, o Caxias começou a ser mais perigoso, exigindo boas defesas do goleiro Vanderlei. A equipe continuou pressionando até que, aos 33 minutos, Diogo Oliveira aproveitou a sobra de um escanteio, matou no peito e finalizou, estufando as redes do arqueiro Tricolor.

O Grêmio se lançou ao ataque tentando empatar o confronto, mas os donos da casa conseguiram se defender e saíram de campo com o título de campeões do primeiro turno do Gauchão.

FICHA TÉCNICA:
CAXIAS 1 X 0 GRÊMIO

Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS)
Data: 22 de fevereiro de 2020, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e Luiza Naujorks Reis
VAR: Igor Junio Benevenuto (CBF – MG) / Eduardo Valadão (CBF – GO) / Edson Antônio (CBF – GO)
Cartões amarelos: Bruno Ré, Juliano, Carlos Alberto e Gilmar (Caxias); Paulo Miranda, David Braz e Lucas Silva (Grêmio)
Gol: Diogo Oliveira (do Caxias, aos 33 minutos do segundo tempo)

CAXIAS: Marcelo Pitol; Ivan, Laércio, Thiago Sales e Bruno Ré; Juliano, Carlos Alberto e Diogo Oliveira (Vinícius Baiano); Léo Tilica, Juninho Potiguar (Bruninho) e Gilmar (Yuri)
Técnico: 
Rafael Lacerda

GRÊMIO: Vanderlei; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz e Cortez (Caio Henrique); Lucas Silva (Thiago Neves); Alisson, Matheus Henrique, Maicon (Luciano) e Everton; Diego Souza
Técnico: Renato Gaúcho