Líder da oposição do Corinthians garante que não há pressão política em cima de Tiago Nunes

Tiago Salazar - São Paulo,SP

09-04-2020 10:00:16

Tiago Nunes surpreendeu muita gente ao falar sobre pressão política dentro do Corinthians em entrevista recente. Pressionado pela falta de resultados positivos, o técnico chamou atenção para o fato do clube ter eleição agendada para novembro deste ano.

Felipe Ezabella garantiu que sequer conhece Tiago Nunes (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

“Sem dúvida que há um ambiente político. A diretoria tem tentando ao máximo nos blindar e nos deixar à margem disso aí. Mas, por exemplo, quando em tempos normais a torcida do Corinthians bateu em fevereiro no portão do clube? É engraçado isso, né? É estranho. ‘Ah, por que perdeu a Pré-Libertadores para o Guaraní-PAR’. Pode ser. É um catalisador isso aí. Mas a gente sabe também que tem muito interesse político”.

A declaração do treinador ao BandSports não foi muito bem compreendida por Felipe Ezabella, líder da chapa “Corinthians Grande”, que faz oposição à gestão comandada por Andrés Sanchez.

Eu fiquei bem, não vou dizer chateado, mas um pouco curioso, porque não há pressão política, pelo menos da nossa parte, pelo o que a gente tem visto, para dentro de campo, com o trabalho do Tiago. Se vocês separarem ai, não tem um twitter, uma mensagem, qualquer coisa de qualquer um da oposição. Não falo pelos outros, mas falo pelo que vejo. Nunca vi ninguém pressionar o Tiago Nunes. Então, pode ter certeza que da nossa parte não tem. Não entendi.

Ao Podcastimão, Ezabella tentou até interpretar a motivação da conclusão de Tiago Nunes.

“O que talvez possa ter, pensando depois, seja pressão da diretoria, por ser um ano político e ela depender de resultados para se sustentar. Faz muito sentido isso. Estou conjecturando. Se tem essa pressão, se ele está se sentindo pressionado politicamente, pode ter a absoluta certeza de que não é de membro da oposição. A gente sabe que ano político pode atrapalhar o campo, então, a gente tenta não se meter nisso. Acho que talvez seja internamente, por parte dos chefes dele”.

O elenco do Corinthians segue de férias e, apesar das críticas, Tiago Nunes vai continuar com seu trabalho assim que o futebol for retomado, conforme apurou a Gazeta Esportiva.


 

Deixe seu comentário