Fã de Godín, Bruno Méndez explica foto com camisa e diz ser corintiano

Tomás Rosolino - São Paulo , SP
05/03/2019 15:08:26

Em: Campeonato Paulista, Corinthians, Escolha do editor, Futebol

O zagueiro Bruno Méndez vestiu nesta terça-feira a camisa do Corinthians pela primeira vez como jogador do clube, mas já estava acostumado à peça. Apresentado no CT Joaquim Grava, o defensor explicou porque já havia sido registrado com uma camiseta corintiana do começo dos anos 90, disse ser torcedor do clube há algum tempo e colocou Diego Godín, do Atlético de Madrid, como sua referência na posição.

“É uma foto que tinha de menino, de 2011, 2012, um uruguaio sempre tem um time do qual ele é torcedor na Argentina e no Brasil, o meu era o Corinthians. Lembrava do time campeão mundial com Paolo Guerrero. Foi por isso”, comentou Méndez, que não havia nem nascido na época em que a camisa era utilizada.

Um dos mais jovens do atual elenco, o uruguaio explicou quais são as suas principais características e como pode ajudar o Alvinegro na temporada, além de reconhecer sua devoção pelo estilo de jogo de Godín, seu compatriota. Sem poder atuar pela Copa Sul-Americana, ele briga por uma vaga entre os inscritos no Campeonato Paulista.

Méndez chega para ser a quinta opção no setor (Foto: Tomás Rosolino/Gazeta Press)

“Eu gosto de ser agressivo, gosto das jogadas por baixo, te implementam aqui isso também. O referente na minha posição é o Diego Godín, em quem eu me espelho”, avaliou o jovem de 19 anos, ainda se adaptando ao novo clube. Ele será a quinta opção no setor, que já conta com Manoel, Henrique, Marllon e Pedro Henrique.

“Já tinham me falado, sabia como era o clube, sei o tamanho do clube no Brasil e na América, conhecido em todo o mundo. Sei o desafio que é o futebol brasileiro e vou tratar de ficar pronto o mais rápido possível para o treinador poder me usar”, afirmou, contente ao saber que Fábio Carille fora um zagueiro antes de tornar-se treinador.

“Será uma vantagem que o treinador tenha sido defensor. Para mim,  o defensor moderno tem que ler bem a jogada. O que caracteriza o defensor uruguaio é a visão e a intensidade na hora do combate ao adversário”, concluiu o 11º reforço alvinegro para a temporada.




  • Nobutaka Tomita

    Pelo que tenho visto jogar, será um importante reforço e já vai ser titular com certeza pois tanto por baixo como por cima se impõe. Sabe sair jogando e se antecipa nas jogadas para desarmar.

×
Quer receber notícias do Corinthians?