Ceará anuncia redução de 25% na folha salarial dos jogadores

São Paulo, SP

01-05-2020 14:09:37

O Ceará é mais um clube da Série A do Campeonato Brasileiro que acertou a redução do salário dos jogadores profissionais, devido ao sufocamento financeiro causado pela pandemia do novo coronavírus. A medida foi baseada na Medida Provisória (MP) 936.

Segundo o Diário do Nordeste, a diretoria do Vovô pretende economizar R$ 700 mil com a redução de 25% dos vencimentos de atletas, comissão técnica e funcionários. Hoje, a folha salarial do Alvinegro cearense é avaliada em R$ 3,5 milhões, a maior da história do clube.

O volante Charles já havia antecipado que todo o plantel de jogadores estaria disposto a aceitar a redução salarial.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

"Para manter o clube em dia tinha que abrir mão de alguma coisa. Estamos vivendo uma pandemia que nunca aconteceu, muito tempo parado, então estamos ajudando o clube nesse momento tão difícil. Sabemos que alguns patrocinadores acabam sendo cortados, e entramos em um consenso em prol do Ceará", contou.

O Vovô é o 16º clube da primeira divisão do Brasileirão a implementar a medida.

Confira o primeiro acordo entre Ceará e jogadores:
Os pagamentos de abril, referentes ao mês de março, serão feitos: 75% do salário na CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) quitado em 20 de abril e 75% dos direitos de imagem (75%) serão pagos em 30 de abril. Os 25% restantes da CLT e da Imagem serão diluídos nos pagamentos dos atletas a partir de julho.

No caso dos valores de maio, referentes ao mês de abril, a distribuição é: 75% do salário na CLT e das férias pagas em 20 de maio e 75% dos direitos de imagem serão pagos em 30 do mesmo mês. O detalhe é que dos 25% restantes de salário na CLT e imagem, os atletas abriram mão de 10%. Assim, os 15% restantes serão complemento do salário a partir de julho. O valor será diluído ao longo do contrato.

Deixe seu comentário