Tite valoriza vitória "historicamente difícil" da Seleção Brasileira sobre o Paraguai

São Paulo, SP

09-06-2021 08:00:16

Nesta terça-feira, a Seleção Brasileira derrotou o Paraguai por 2 a 0, em Assunção, em partida válida pela oitava rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo. Após o jogo, Tite exaltou o triunfo de sua equipe, destacando o valor histórico do resultado obtido no país vizinho.

Isso porque o Brasil não derrotava o Paraguai em Assunção desde 1985, quando venceu por 2 a 0, em jogo válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 1986. De lá para cá, a Seleção vinha de quatro partidas sem triunfar. Tite também destacou a importância do gol que abriu o placar, marcado por Neymar, ter saído logo aos três minutos da primeira etapa.

"Estava conversando com o Berizzo antes e depois do jogo sobre o grau de dificuldade histórico e do grau de dificuldade pela qualidade dos enfrentamentos. Foi assim na Copa América, quando nós empatamos em casa. Foi assim aqui hoje também. O fato de ter saído na frente nos proporcionou a possibilidade de administrar, do jogo sair mais fluente, sem ter a necessidade de buscar o gol a toda hora. Foi acontecendo com mais naturalidade, a pressão ficou do lado paraguaio, e nós conseguimos fazer um jogo mantendo sempre um nível bom. A vitória é historicamente muito difícil", afirmou o técnico.


Tite também comentou sobre a dificuldade para fazer ajustes na Seleção, já que o treinador não conta com um longo período para preparar e treinar a equipe.

"São etapas que a equipe vai construindo. Caracteristicamente, as seleções vão se construindo ao longo do tempo, porque nós não temos muito tempo para estar juntos e ajustar. Hoje, por exemplo, nós iniciamos com três jogadores diferentes em relação ao último jogo. Essa competitividade leal e esse nível que os atletas trazem individualmente de seus clubes podem proporcionar esse crescimento à Seleção", disse Tite.

Com o resultado, o Brasil foi aos 18 pontos somados, na liderança isolada das Eliminatórias. Nesta quarta-feira, Tite convoca o grupo que participará da Copa América. O time canarinho estreia no torneio continental contra a Venezuela, no domingo, às 18h, no Mané Garrincha.

Deixe seu comentário