Futebol/Bastidores

Felipe Conceição é demitido após nova eliminação do Botafogo

São Paulo , SP
10/02/2018 19:04:46 — 10/02/2018 19:34:13

Em: Bastidores, Botafogo, Campeonato Carioca, Futebol
Felipe Conceição se despede do Botafogo com apenas sete jogos no comando da equipe (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Felipe Conceição não é mais o técnico do Botafogo. Após a derrota por 3 a 1 sofrida para o Flamengo, em Volta Redonda, pela semifinal da Taça Guanabara, o ex-auxiliar técnico, que foi promovido a treinador com a saída de Jair Ventura, foi notificado de que não seguirá mais à frente do Alvinegro.

A eliminação surpreendente na primeira fase da Copa do Brasil para a Aparecidense fez com que a pressão sobre Felipe Conceição aumentasse de maneira considerável. Muitos interpretavam como insustentável a permanência do treinador em caso de uma nova eliminação, desta vez na Taça Guanabara, e foi justamente isso o que aconteceu.

Felipe Conceição comandou o Botafogo em sete oportunidades, somando duas vitórias, três empates e outras duas derrotas. Sem conseguir dar um padrão de jogo à equipe em um curto espaço de tempo, o técnico de 38 anos se despede sem trilhar uma trajetória semelhante à de Jair Ventura, outro auxiliar técnico promovido pelo clube de General Severiano, mas que obteve êxito no cargo.

Conceição atuou como jogador do Botafogo no início dos anos 2000. Na época, ele era conhecido como Felipe Tigrão. Posteriormente, após sua aposentadoria, acertou seu retorno ao clube em 2013 para treinar as categorias de base. Por conta da sua grande identificação com o clube, é possível que ele permaneça em General Severiano em uma outra função.

“O Felipe tem uma história dentro do clube. Infelizmente, as coias não aconteceram. Disse a ele nesse momento que estaríamos conversando para tomarmos uma decisão em relação ao seu futuro. Há uma série de variáveis em relação ao Felipe e seu auxiliar, mas muitas coisas podem acontecer durante a semana”, disse Anderson Barros, gerente de futebol do Fogão.

Agora, o Botafogo tentará agir rápido para contratar um novo treinador. Com a demissão de Oswaldo de Oliveira do Atlético-MG, há a possibilidade de o experiente comandante ser o escolhido do clube. Outros nomes também vêm sendo citados nos últimos dias, como Jorginho, ex-Vasco.